Bolsas asiáticas fecham sem direção única

As bolsas asiáticas fecharam sem direção única nesta sexta-feira, encerrando uma semana amplamente positiva para a região, em meio à expectativa para o relatório de emprego dos EUA, que será divulgado às 9h30 (de Brasília).

Os negócios de hoje na Ásia foram marcados pela cautela antes do dado de criação de postos de trabalho nos EUA. Analistas estimam que a maior economia do mundo abriu 200 mil novas vagas em março, ante 175 mil em fevereiro.

"Um dado sólido de empregos é bem-vindo, mas números muito robustos podem gerar temores de que o Fed (Federal Reserve, o banco central norte-americano) possa acelerar a retirada de seu programa de estímulos, causando turbulência nos mercados emergentes e no Japão semelhante à que já vimos este ano", comentou Norihiro Fujito, estrategista de investimento sênior da Mitsubishi UFJ Morgan Stanley Securities.

Na China, as principais bolsas encerraram o dia em território positivo, parcialmente sustentadas pelo recente pacote de estímulos anunciado por Pequim. O índice Xangai Composto subiu 0,74%, a 2.058,83 pontos, enquanto o Shenzhen Composto avançou 1,2%, a 1.068,07 pontos. Entre as ações chinesas, destacaram-se bancos, como China Construction Bank (+1,0%) e Bank of China (+0,8%), e empresas do setor imobiliário, como Hua Yuan Property (+6,4%) e China Real Estate (+3,2%).

Por outro lado, o índice Hang Seng, de Hong Kong, recuou 0,2%, fechando a 22.510,08, enquanto o sul-coreano Kospi, da Bolsa de Seul, caiu 0,28%, a 1.988,09 pontos, e o filipino PSEi, de Manila, cedeu 0,4%, a 6.561,20 pontos.

Na Oceania, a bolsa australiana mostrou ligeira alta de 0,2%, com o índice S&P/ASX 200, das ações mais negociadas em Sydney, terminando a sessão a 5.422,80 pontos. A Fortescue Metals se destacou, com ganho de 1,1%, após divulgar aumento nas exportações de minério de ferro.

A semana foi encerrada em tom positivo nos mercados da região da Ásia e do Pacífico, com ganhos de 2% do Hang Seng, de 1% do S&P/ASX, de 0,84% do Xangai Composto e de 3,1% do PSEi. Com informações da Dow Jones Newswires.

Carregando...