Bolsas da Ásia fecham em direções divergentes

Os mercados acionários da Ásia fecharam em direções divergentes nesta terça-feira, com destaque para a Bolsa de Sydney, que superou outros pregões após a divulgação da decisão da política monetária do Banco da Reserva da Austrália (RBA, na sigla em inglês).

A BC australiano manteve a taxa de juros inalterada em 2,75%, o que levou a uma queda da moeda local para US$ 0,9208, de US$ 0,9224, logo depois da divulgação. As expectativas para um corte da taxa neste mês eram baixas, embora o mercado esteja esperando mais uma redução antes do final do ano.

O RBA disse que a moeda local permanece elevada, apesar da sua recente depreciação, tendo caído cerca de 10% contra o dólar norte-americano desde o início de maio.

O índice S&P/ASX 200, da Bolsa de Sydney, fechou em alta de 2,6%, aos 4.834,00 pontos, a melhor performance em um único dia desde outubro de 2011. O índice se recuperou da forte queda de 1,9% na segunda-feira, com mineradoras liderando a alta depois do avanço dos preços das commodities. A BHP Billiton e Rio Tinto subiram 3,7% e 2,6%, respectivamente.

Já os mercados financeiros de Hong Kong só reagiram aos dados da indústria da China nesta terça-feira, devido a um feriado na segunda-feira. Como resultado, o índice Hang Seng caiu 0,7%, para 20.658,65 pontos.

A PetroChina subiu 6,7% em Hong Kong depois que o principal órgão de planejamento da China anunciou um aumento nos preços do gás. A medida entrará em vigor em 10 de julho.

Em contraste, o índice Xangai Composto subiu 0,6%, para 2.006,56 pontos, uma vez que o mercado continuou a se recuperar com a amenização da crise de liquidez do mercado interbancário do pais. O Índice Shenzhen Composto subiu 1,7%, para 922,23 pontos.

De forma mais ampla, os bons resultados em Wall Street na segunda-feira também ajudaram os mercados acionários da Ásia. Os índices de Nova York fecharam em alta depois que o índice de atividade do setor de manufatura dos EUA medido pelo Instituto para Gestão de Oferta (ISM, na sigla em inglês) subiu para 50,9 em junho, de 49,0 em maio.

O índice Kospi terminou estável aos 1.855,02 pontos, depois de uma sessão agitada, com cautela dos investidores antes da temporada de resultados corporativos do segundo trimestre, que começam a ser divulgados no final deste mês.

Em Taipé, o índice Taiwan Weighted perdeu 0,3%, para 8.015,86 pontos. Segundo especialistas, os investidores se mostraram cautelosos à medida que o índice se aproximava da marca de 8.065 pontos.

Já nas Filipinas, as ações recuaram com realização de lucros depois de um rali de quatro dias. O índice PSEi fechou em queda de 1,2%, aos 6.448,18 pontos em uma sessão volátil, que teve uma ascensão até 6.595,80 pontos antes de entrar em terreno negativo. Fonte: Dow Jones Newswires.

Carregando...