Bolsa de Tóquio fecha em queda de 0,09%

No Japão, a Bolsa de Valores de Tóquio registrou um prejuízo menor nesta terça-feira, em meio a um modesto volume de ações negociadas, com os participantes do mercado aguardando a reunião do Comitê Federal do Mercado Aberto (Fomc) do Fed, hoje e amanhã, permitindo que ações como a da Kansai Electric Power arrastasse o mercado para baixo, apesar dos ganhos da gigante Fast Retailing. O índice Nikkei recuou 0,09%, aos 9.525,32 pontos. Na sessão anterior, ele havia subido 0,07%.

O volume de negócios totalizou apenas 1,54 bilhão de ações comercializadas, o mais modesto desde 14 de novembro. Os índices mais amplos abriram o pregão em baixa e permaneceram apenas um pouco abaixo do ponto de equilíbrio, ainda que não determinante, para quase toda a sessão, em meio às expectativas dos dois dias de reuniões do Fomc, que começa nesta terça-feira, mais à tarde.

"Os investidores já têm em conta algum tipo de programa de relaxamento quantitativo para a compra de títulos, uma vez que as operações de swap com ativos expirará no final do ano", disse o estrategista da Okasan Securities, Hideyuki Ishiguro. "Mas o efeito líquido sobre o iene é provável que seja menor, no mínimo."

Outros assuntos como o fim dos contratos de Nikkei futuros para dezembro no final de semana, e as eleições gerais para a Câmara Baixa no domingo, também continuam pesando sobre o mercado", afirmou o estrategista.

A realização de lucros com os papéis da Advantest e Honda Motor puxaram o mercado para baixo. As ações da Advantest caíram 1,3%, e as da Honda Motor encolheram 1,2%.

As ações de companhias elétricas sofreram um duro golpe depois da notícia de que uma equipe de peritos enviada pela Autoridade de Regulação Nuclear concluiu que a usina da Japan Atomic Power, na unidade de Tsuruga, provavelmente apresente uma falha ativa, aumentando as preocupações de que essa unidade possa ser desativada, o que seria uma grande perda potencial dos acionistas, que incluem a Kansai Electric Power e Chubu Electric Power.

A venda de papéis foi suficiente para compensar o bom desempenho da Fast Retailing. As ações da companhia fecharam em alta de 1,1%, ajudadas pelas expectativas das vendas de inverno no Japão. As informações são da Dow Jones.

Carregando...