Bolsa de Tóquio fecha em alta de 1,90%

A Bolsa de Tóquio fechou o pregão em alta nesta quinta-feira, com as expectativas de mudança no governo, bem como com a possibilidade de um relaxamento monetário mais agressivo por parte do Banco do Japão (BoJ, o banco central do país). Esse contexto enfraqueceu o iene, permitindo que as ações de exportadores como a Toyota Motor subissem, bem como de empresas simpatizantes ao partido de oposição, como construtora Obayashi, que também teve bom desempenho. O índice Nikkei fechou em alta de 1,90%, aos 8.829,72 pontos, em patamar mais alto desde 8 de novembro.

O volume de negócios totalizou 2,22 bilhões de ações, o maior registrado desde 14 de setembro. Os maiores índices de ações japoneses subiram acentuadamente desde o início da sessão graças à queda do iene diante do dólar, depois que o primeiro-ministro, Yoshihiko Noda, pediu na quarta-feira eleições a curto prazo, e disse que poderia dissolver a câmara baixa na sexta-feira. A data da eleição agora deve ser 16 de dezembro.

"Shinzo Abe, o líder oposicionista do Partido Liberal Democrata (PLD), que provavelmente vencerá a eleição, afirmou que mudará a lei para que a diretoria do BoJ possa ter maior flexibilidade diante dos saques", disse o estrategista de equity da CLSA, Nicholas Smith.

Setores vistos como tradicionalmente amigáveis às políticas do PLD tiveram bom desempenho no pregão. Os papéis de empreiteiras e siderúrgicas subiram na esperança de que haja mais gastos com obras públicas, a exemplo da Obayashi Corporation, cujos papéis subiram 6%, e os da JFE Holdings que ganharam 7,2%.

As ações de companhias de energia elétrica subiram na esperança de que haja restrições à energia nuclear. Os papéis da Kansai Electric Power ganharam 8,1%. As ações de grande liquidez das exportadoras naturalmente foram beneficiadas com o iene mais fraco. A Toyota avançou 5,1%, enquanto que a Canon subiu 4,6%.

A Sony perdeu 8,9%, depois de anunciar que emitirá 150 bilhões de ienes em títulos conversíveis a fim de levantar fundos para investimento estratégico e para pagar empréstimos. As informações são da Dow Jones.

Carregando...