Mercado fechado
  • BOVESPA

    129.441,03
    -635,14 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.286,46
    +400,13 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,78
    +0,49 (+0,70%)
     
  • OURO

    1.879,50
    -16,90 (-0,89%)
     
  • BTC-USD

    35.802,02
    +76,84 (+0,22%)
     
  • CMC Crypto 200

    924,19
    -17,62 (-1,87%)
     
  • S&P500

    4.247,44
    +8,26 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    34.479,60
    +13,36 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.134,06
    +45,88 (+0,65%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,25 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    28.948,73
    -9,83 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    13.992,75
    +33,00 (+0,24%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1926
    +0,0391 (+0,64%)
     

Bolsa sobe com disparada de Azul e Gol

·1 minuto de leitura
***FOTO DE ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, 09.05.2015 - Bolsa de Valores de São Paulo. (Foto: Diego Padgurschi/Folhapress)
***FOTO DE ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, 09.05.2015 - Bolsa de Valores de São Paulo. (Foto: Diego Padgurschi/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Ibovespa fechou em alta de 0,81%, a 123.989,17 pontos, nesta quarta-feira (26), com ações de companhias aéreas entre os maiores ganhos da sessão.

A Azul disparou 11,31%, após declarações da empresa de que estuda oportunidades de consolidação e que está em condição para liderar um processo nesse sentido. Segundo a agência de notícias Reuters, a Azul abordou a chilena Latam com o objetivo de comprar sua operação brasileira.

Já a Gol saltou 7,15%, após melhora nas previsões para ocupação e custos no segundo trimestre, além de estimativas preliminares para a segunda metade do ano. Após a nova previsão, o Bradesco BBI reiterou recomendação 'neutra' para a ação, mas elevou o preço-alvo, de R$ 20 para R$ 24.

Locaweb valorizou-se 6,74%, dando sequência à recuperação após um tombo de mais de 20% nos primeiros pregões do mês. Em maio, porém, ainda acumula queda de cerca de 10%.

A Vale avançou 2,94%, amenizando a correção desde que renovou máxima histórica mais cedo no mês.

Por outro lado, a Suzano caiu 3,77%, após dados de abril mostrando queda nos embarques de celulose de fibra curta e nas remessas de celulose de fibra longa, segundo relato de analistas do Credit Suisse.

O dólar caiu 0,46%, a R$ 5,3120.

Nos Estados Unidos, os índices S&P 500 e Dow Jones tiveram leves altas de 0,19% e 0,03%, respectivamente. Nasdaq subiu 0,59%.