Mercado fechará em 2 h 44 min
  • BOVESPA

    111.378,72
    -2.415,56 (-2,12%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.593,04
    -599,29 (-1,15%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,86
    -0,75 (-1,03%)
     
  • OURO

    1.752,60
    -4,10 (-0,23%)
     
  • BTC-USD

    47.585,07
    -420,72 (-0,88%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.208,16
    -17,38 (-1,42%)
     
  • S&P500

    4.439,53
    -34,22 (-0,76%)
     
  • DOW JONES

    34.595,21
    -156,11 (-0,45%)
     
  • FTSE

    6.963,64
    -63,84 (-0,91%)
     
  • HANG SENG

    24.920,76
    +252,91 (+1,03%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,71 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.530,00
    +12,25 (+0,08%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2015
    +0,0167 (+0,27%)
     

BOLSA EUROPA-Ações fecham estáveis com temores por redução de estímulos pelo Fed e vírus

·2 minuto de leitura
Bolsa de Valores de Paris, no distrito empresarial de La Defense

Por Ambar Warrick e Sruthi Shankar

(Reuters) - As ações europeias fecharam estáveis nesta terça-feira, com os investidores evitando fazer grandes apostas antes de uma atualização sobre a política monetária norte-americana, mesmo com os dados delineando uma recuperação econômica mais forte do que o esperado na Alemanha.

O índice FTSEurofirst 300 terminou estável, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 perdeu 0,02%, a 472 pontos, após uma venda generalizada na semana passada que derrubou o índice a patamares recordes.

Os setores vinculados às commodities continuaram superando o mercado em geral, uma vez que os preços do petróleo e dos metais subiram devido às expectativas de recuperação na China, principal país importador.

As ações do setor de matérias-primas tiveram o melhor desempenho do dia, com alta de 2,0%.

As ações de viagens também subiram quase 2% depois que a agência reguladora de saúde norte-americana concedeu aprovação total à vacina contra a Covid-19 da Pfizer Inc e BioNTech SE, um movimento que pode acelerar a imunização nos EUA.

Os investidores estão aguardando o discurso do chair do Federal Reserve, Jerome Powell, no simpósio anual de Jackson Hole, na sexta-feira, em busca de pistas sobre os planos de redução gradual das compras de ativos do banco central.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,24%, a 7.125 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,33%, a 15.905 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,28%, a 6.664 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,07%, a 26.027 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,22%, a 8.948 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,04%, a 5.361 pontos.

(Por Sruthi Shankar em Bengaluru)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos