Mercado fechará em 47 mins
  • BOVESPA

    122.414,74
    -3.260,59 (-2,59%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.151,91
    -482,69 (-0,93%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,93
    +0,31 (+0,42%)
     
  • OURO

    1.814,50
    -21,30 (-1,16%)
     
  • BTC-USD

    39.145,89
    -423,08 (-1,07%)
     
  • CMC Crypto 200

    930,30
    -19,60 (-2,06%)
     
  • S&P500

    4.400,04
    -19,11 (-0,43%)
     
  • DOW JONES

    34.988,88
    -95,65 (-0,27%)
     
  • FTSE

    7.032,30
    -46,12 (-0,65%)
     
  • HANG SENG

    25.961,03
    -354,29 (-1,35%)
     
  • NIKKEI

    27.283,59
    -498,83 (-1,80%)
     
  • NASDAQ

    14.961,75
    -76,00 (-0,51%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1592
    +0,1187 (+1,97%)
     

Bolívia recebe doação mexicana de 150 mil vacinas da AstraZeneca

·1 minuto de leitura
A Bolívia recebeu do México uma doação de 150 mil doses da vacina contra a covid-19 da AstraZeneca

A Bolívia recebeu do México neste domingo (13) 150 mil doses da vacina da AstraZeneca contra a covid-19, concretizando uma importante doação prometida anteriormente.

“Estamos profundamente gratos”, disse à imprensa María Renee Castro, vice-ministra de Promoção e Vigilância Epidemiológica. O lote garantirá a aplicação das segundas doses na Bolívia, indicou a autoridade.

O governo mexicano havia anunciado o envio de 800 mil doses para a Argentina, 100 mil para Belize, 150 mil para a Bolívia e 150 mil para o Paraguai.

O México realizou esta doação como presidente pro tempore da Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos (CELAC).

“Agradecemos a doação do povo irmão do #México e do presidente @lopezobrador das 150 mil doses da vacina AstraZeneca”, escreveu o presidente boliviano Luis Arce no Twitter ao anunciar a chegada do carregamento.

O governo boliviano esperava receber as vacinas da AstraZeneca por meio do mecanismo de distribuição internacional Covax, mas a Organização Mundial da Saúde (OMS) alertou que não havia imunizantes suficientes para junho e julho.

A doação mexicana se soma a um lote de 100 mil vacinas Sputnik V que chegou no sábado, detalhou a vice-ministra, que anunciou sua distribuição imediata por todo o país.

O Ministério da Saúde e do Esporte informou que até sábado 1,5 milhão de pessoas já haviam recebido a primeira dose e 522.603 já haviam completado a vacinação, com a segunda dose.

Na Bolívia, foram aplicadas as vacinas Sputnik V, Sinopharm, AstraZeneca e Pfizer. As autoridades instaram os cidadãos a irem aos postos de vacinação, pois muitos estão relutantes em serem vacinados.

Com 11,5 milhões de habitantes, o país andino ultrapassa 405 mil infecções e 15 mil mortes pelo novo coronavírus.

gbh/gma/ic

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos