Mercado abrirá em 18 mins
  • BOVESPA

    114.428,18
    -219,81 (-0,19%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.686,03
    -112,35 (-0,21%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,47
    +1,03 (+1,25%)
     
  • OURO

    1.779,80
    +14,10 (+0,80%)
     
  • BTC-USD

    62.208,20
    +1.249,30 (+2,05%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.454,12
    +2,48 (+0,17%)
     
  • S&P500

    4.486,46
    +15,09 (+0,34%)
     
  • DOW JONES

    35.258,61
    -36,15 (-0,10%)
     
  • FTSE

    7.210,43
    +6,60 (+0,09%)
     
  • HANG SENG

    25.787,21
    +377,46 (+1,49%)
     
  • NIKKEI

    29.215,52
    +190,06 (+0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.358,75
    +68,25 (+0,45%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4172
    +0,0257 (+0,40%)
     

BofA reduz projeção para o crescimento da China para os próximos 3 anos

·1 minuto de leitura
Construção em Xangai, China

(Reuters) - O BoFA Securities reduziu nesta terça-feira sua projeção para o crescimento econômico da China para os próximos três anos devido à combinação do surto da variante Delta do coronavírus e da intensificação dos controles sobre os setores imobiliário e de infraestrutura.

O banco de investimentos norte-americano disse que sua nova projeção para o crescimento do Produto Interno Bruto chinês neste ano foi reduzida a 8,0%, de 8,3%. Para 2022 a estimativa passou a 5,3% de 6,2% e em 2023 foi a 5,8% de 6,0%.

O banco também disse que seu cenário básico sobre os problemas na gigante chinesa Evergrande é de que "haverá pouco contágio" no setor imobiliário como um todo e nos mercados financeiros se o governo resgatar a empresa facilitando uma reestruturação ordenada da dívida.

(Reportagem de Anushka Trivedi em Bengaluru)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos