Mercado fechará em 1 h 11 min
  • BOVESPA

    100.305,94
    -711,02 (-0,70%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    38.022,91
    -222,95 (-0,58%)
     
  • PETROLEO CRU

    39,80
    +1,24 (+3,22%)
     
  • OURO

    1.912,60
    +6,90 (+0,36%)
     
  • BTC-USD

    13.712,16
    +604,93 (+4,62%)
     
  • CMC Crypto 200

    271,99
    +10,70 (+4,10%)
     
  • S&P500

    3.407,32
    +6,35 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    27.631,03
    -54,35 (-0,20%)
     
  • FTSE

    5.728,99
    -63,02 (-1,09%)
     
  • HANG SENG

    24.787,19
    -131,59 (-0,53%)
     
  • NIKKEI

    23.485,80
    -8,54 (-0,04%)
     
  • NASDAQ

    11.599,00
    +106,75 (+0,93%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6884
    +0,0479 (+0,72%)
     

Boeing registra primeiro pedido do 737 MAX em 2020; cancelamentos aumentam

·1 minuto de leitura
.
.

(Reuters) - A Boeing fechou seu primeiro pedido pelo 737 MAX em 2020, mas a fabricante norte-americana de aviões registrou mais cancelamentos, conforme os clientes desistem de encomendas do jato e as entregas gerais de aeronaves caíram para 13 em agosto, segundo dados mensais divulgados nesta terça-feira.

A Boeing disse que perdeu outros 17 pedidos do jato 737 MAX no mês passado, elevando o número total de pedidos cancelados, incluindo aqueles em que os clientes trocaram para um modelo diferente, para 445 neste ano.

A primeira pedida do MAX este ano foi feita pela polonesa Enter Air, para duas aeronaves 737-8 com opção de mais duas. A Boeing também registrou 3 pedidos do MAX de um cliente não identificado.

(Por Rachit Vats em Bangalore)