BNDES: Meta é aprovar financiamento para Belo Monte

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) segue com a meta de aprovar ainda neste ano o financiamento de longo prazo para a construção da usina hidrelétrica de Belo Monte, no Pará, afirmou nesta quarta-feira o presidente da instituição, Luciano Coutinho. "Estamos trabalhando para concluir o empréstimo definitivo", disse Coutinho, após dar palestra na Academia Brasileira de Ciências (ABC), no Rio.

Aprovado o financiamento de longo prazo, os primeiros desembolsos podem ocorrer ainda este ano, cobrindo os recursos já adiantados por meio de dois empréstimos-ponte, no total de R$ 2,9 bilhões. O primeiro foi contratado em junho de 2011. O segundo foi aprovado em fevereiro e contratado em março passado. Coutinho não quis adiantar o valor do empréstimo. Estima-se que o financiamento fique entre R$ 20 bilhões e R$ 22 bilhões.

O presidente do BNDES também descartou que a retração dos bancos repassadores de recursos da instituição verificada desde o início do ano seja motivo de preocupação. Segundo Coutinho, a maior seletividade das instituições financeiras, por causa da alta da inadimplência verificada neste ano, "não é novidade" e ocorreu nos bancos privados, pois o repasse às instituições públicas segue bem.

Carregando...