Mercado abrirá em 2 h 16 min
  • BOVESPA

    122.515,74
    +714,95 (+0,59%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.869,48
    +1,16 (+0,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,63
    +0,37 (+0,52%)
     
  • OURO

    1.814,10
    -8,10 (-0,44%)
     
  • BTC-USD

    38.615,86
    -1.080,29 (-2,72%)
     
  • CMC Crypto 200

    939,40
    -21,50 (-2,24%)
     
  • S&P500

    4.387,16
    -8,10 (-0,18%)
     
  • DOW JONES

    34.838,16
    -97,31 (-0,28%)
     
  • FTSE

    7.107,78
    +26,06 (+0,37%)
     
  • HANG SENG

    26.194,82
    -40,98 (-0,16%)
     
  • NIKKEI

    27.641,83
    -139,19 (-0,50%)
     
  • NASDAQ

    14.973,75
    +21,00 (+0,14%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1521
    +0,0080 (+0,13%)
     

Blue Origin quer lançar mais 2 voos tripulados neste ano após sucesso com Bezos

·2 minuto de leitura

Nesta terça-feira (20), a Blue Origin fez história ao realizar o primeiro voo comercial tripulado do sistema reutilizável New Shepard, que levou o fundador Jeff Bezos, seu irmão Mark, a piloto Wally Funk e o jovem Oliver Daemen ao espaço. Agora, a empresa já planeja os próximos voos: segundo Ariane Cornell, diretora de astronautas e vendas orbitais na Blue origin, mais clientes pagantes deverão ir ao espaço a bordo do New Shepard ainda neste ano, provavelmente em dois novos lançamentos.

Cornell afirmou que está mantendo contato com alguns dos participantes do leilão da Blue Origin, em que os interessados podiam dar lances para disputar um assento no voo de hoje. “Desde o leilão, tive o prazer de conversar com vários participantes, que já estão ocupando rapidamente os assentos para os próximos lançamentos”, comentou. Ainda não há informações dos preços ou da disponibilidade para os próximos voos, e os interessados em adquirir um ticket deverão entrar em contato com a Blue Origin por e-mail.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Segundo informações fornecidas em uma conferência realizada no último domingo (18), outros clientes já estão listados nos voos seguintes, e a ideia é realizar outros dois lançamentos em 2021 e vários outros no futuro. “Já temos uma lista robusta de clientes interessados”, disse Cornell. A proximidade do lançamento do próximo voo foi reforçada por Robert Smith, CEO da Blue Origin, que declarou na mesma ocasião que o voo pode acontecer em setembro.

Cornell também adiantou um pouco do que os próximos turistas espaciais podem esperar. Durante os 11 minutos de voo, os futuros tripulantes do New Shepard vão subir até a Linha de Kárman, linha imaginária a 100 km de altitude que define a fronteira da Terra com o espaço. Quando a cápsula se separar do foguete, eles poderão observar a curva da Terra através das grandes janelas da estrutura da cápsula, aproveitando também para se liberarem dos assentos e curtir quatro minutos da sensação de ausência de peso.

Em seguida, os tripulantes devem voltar aos assentos e colocar o cinto de segurança para seguir ao fim da viagem. “Eles descerão sob três grandes paraquedas e, então, nos últimos momentos antes do pouso, o sistema fornecerá uma ‘almofada de ar para a cápsula”, descreveu ela. Futuramente, a Blue Origin deverá usar outro tipo de veículo para levar cargas úteis ao espaço através de contratos com clientes variados, e ainda espera trabalhar com a NASA para levar seus astronautas em missões científicas.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos