Mercado fechará em 6 h 37 min
  • BOVESPA

    102.814,03
    +589,77 (+0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.796,30
    +303,78 (+0,61%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,27
    -1,68 (-2,40%)
     
  • OURO

    1.793,60
    +8,40 (+0,47%)
     
  • BTC-USD

    58.222,05
    +1.272,00 (+2,23%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.479,43
    +50,50 (+3,53%)
     
  • S&P500

    4.655,27
    +60,65 (+1,32%)
     
  • DOW JONES

    35.135,94
    +236,60 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.056,24
    -53,71 (-0,76%)
     
  • HANG SENG

    23.475,26
    -376,98 (-1,58%)
     
  • NIKKEI

    27.821,76
    -462,16 (-1,63%)
     
  • NASDAQ

    16.305,75
    -85,00 (-0,52%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3634
    +0,0342 (+0,54%)
     

Black Friday será usada por 65,3% dos consumidores para as compras de Natal

·2 min de leitura

Na Black Friday 2021, os consumidores devem manter a intenção de comprar online e muitos pretendem antecipar as compras de Natal na data: 65,3% têm esse objetivo. A conclusão é de uma pesquisa do Cuponomia, portal de cupons e cashback, com usuários de sites residentes no Brasil, de 25 de outubro a 10 de novembro.

Em 2020, as vendas online na data movimentaram R$ 4 bilhões, segundo a consultoria Ebit/Nielsen. Ivan Zeredo, diretor de marketing do Cuponomia, destaca que o e-commerce é mais atraente para os compradores. "O consumidor busca maior variedade de produtos, marcas, modelos e a possibilidade de comparação de preços. Por isso, os resultados na internet devem ser ainda melhores em 2021."

Imagem: Reprodução/Pexels/Karolina Grabowska
Imagem: Reprodução/Pexels/Karolina Grabowska

O levantamento aponta que 69,7% dos consumidores compraram online na data em 2020 e 95,9% têm intenção de comprar novamente neste ano. O público, mais uma vez, é majoritariamente composto por mulheres: 68,8% dos consumidores são do sexo feminino. Na faixa etária, jovens de 26 a 34 anos (30,4%) e de 35 a 45 anos (30,3%) lideram.

Vários produtos

O levantamento mostra, ainda, que 27,6% dos consumidores com intenção de comprar na Black Friday 2021 pretendem adquirir mais de quatro produtos. O canal mais utilizado para as compras deve ser novamente o smartphone (74%). Há grande expectativa pelos descontos: 54,6% dos consumidores esperam promoções a partir de 40% na data.

A maioria (38%) dos compradores ainda não decidiu qual será o horário das compras. No ano passado, 26% ficaram acordados de madrugada para garantir as ofertas, mas, em 2021, o percentual deve ser de 16%. Além disso, 17% afirmam que utilizarão o período da manhã, 9,8% a tarde e 19% as primeiras horas da noite.

Muitos clientes não querem esperar o dia 26 de novembro para comprar: 45% já estão de olho em descontos desde o início de novembro e pretendem comprar até a chegada da data. Um dos motivos para essa maior tranquilidade é que muitas marcas fizeram campanhas pré-Black Friday em 2021. Com isso, o consumidor pôde se antecipar para aproveitar as oportunidades em vez de ter de esperar o dia exato para finalizar as compras.

Imagem: Reprodução/Freepik/jcomp
Imagem: Reprodução/Freepik/jcomp

Para o pagamento, o cartão de crédito ainda é o método preferido. De acordo com a pesquisa, 80,7% devem utilizá-lo enquanto 11% vão optar pelo boleto. Já o sistema de pagamento instantâneo (Pix) deve ser o escolhido por 6,8% dos consumidores.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos