Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.800,79
    -3.874,54 (-3,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.868,32
    -766,28 (-1,48%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,81
    +0,19 (+0,26%)
     
  • OURO

    1.812,50
    -18,70 (-1,02%)
     
  • BTC-USD

    41.752,36
    +136,18 (+0,33%)
     
  • CMC Crypto 200

    955,03
    +5,13 (+0,54%)
     
  • S&P500

    4.395,26
    -23,89 (-0,54%)
     
  • DOW JONES

    34.935,47
    -149,06 (-0,42%)
     
  • FTSE

    7.032,30
    -46,12 (-0,65%)
     
  • HANG SENG

    25.961,03
    -354,29 (-1,35%)
     
  • NIKKEI

    27.283,59
    -498,83 (-1,80%)
     
  • NASDAQ

    14.966,50
    -71,25 (-0,47%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1880
    +0,1475 (+2,44%)
     

Bitcoin (BTC) volta a cair e próximas horas são cruciais; TRON sobe 16%

·2 minuto de leitura

A direção do preço do Bitcoin segue indefinida após a criptomoeda tentar romper o patamar de US$ 35.000 em sucesso na última quarta-feira (23), quando atingiu um máximo local de US$ 34.881.

Embora seja negociado em alta de cerca de 1% na última hora, o BTC cai 1,6% nas últimas 24 horas após se recuperar de uma importante queda até a faixa dos US$ 28.800.

Por outro lado, o valor total do mercado de criptomoedas permaneceu praticamente estável nos últimos dois dias, atualmente em US$ 1,38 trilhão.

Nas altcoins, o maior destaque vai para a Klaytn (KLAY), que disparou 32% no dia e assumiu a posição 33 do ranking global de moedas por valor de mercado. Já TRON (TRX) e Quant (QNT) também passam por um bom momento, com ganhos de 16% cada nas últimas 24 horas.

Entre as piores está a Livepeer (LPT), que é por ora a criptomoeda que mais cai na lista das 100 maiores do mundo. O token LPT caiu mais de 12% no dia e passa a acumular recuo de 7% na semana. Além disso, várias criptomoedas de finanças descentralizadas (DeFi), como Aave, Maker e Compound, também caem quase 10% no dia.

O que esperar do Bitcoin a partir de agora

A análise técnica do Bitcoin aponta que a direção do preço segue indefinida no momento. De acordo com o analista de criptomoedas Valdrin Tahiri, o BTC superou uma importante linha de resistência, que funcionava como uma barreira de preço desde a queda acima dos US$ 40.000. No entanto, ainda não é possível ficar otimista.

Bitcoin superou nível importante na quarta-feira (23). Fonte: <a href="https://www.tradingview.com/symbols/BTCUSDT/?exchange=BITBAY" rel="nofollow noopener" target="_blank" data-ylk="slk:TradingView" class="link rapid-noclick-resp">TradingView</a>
Bitcoin superou nível importante na quarta-feira (23). Fonte: TradingView

Alguns indicadores técnicos como, como o RSI e o MACD, mostram sinais negativos. Em meio à dúvida, o analista aponta que, dada a queda abaixo do importante nível de US$ 33.367, é mais provável que o movimento na sequência continue sendo de baixa.

A cotação das próximas horas é crucial para determinar se o Bitcoin continuará caindo ou se pretende se recuperar. O alvo a se observar é o de US$ 33.869.

Um movimento sustentado acima desse patamar indicaria um cenário de alta em que o BTC voltaria a ser negociado acima de US$ 40.000 antes do final do mês.

Cenário positivo levaria BTC acima de US$ 40.000 ainda em junho. Fonte: <a href="https://www.tradingview.com/symbols/BTCUSDT/?exchange=BITBAY" rel="nofollow noopener" target="_blank" data-ylk="slk:TradingView" class="link rapid-noclick-resp">TradingView</a>
Cenário positivo levaria BTC acima de US$ 40.000 ainda em junho. Fonte: TradingView

Já se o preço permanecer abaixo desse nível, é provável que a queda ainda não tenha terminado, e o preço da criptomoeda possa revisitar os US$ 28.000 nos próximos dias.

Cotação das próximas horas será determinante para saber se BTC voltará aos US$ 28.000. Fonte: <a href="https://www.tradingview.com/symbols/BTCUSDT/?exchange=BITBAY" rel="nofollow noopener" target="_blank" data-ylk="slk:TradingView" class="link rapid-noclick-resp">TradingView</a>
Cotação das próximas horas será determinante para saber se BTC voltará aos US$ 28.000. Fonte: TradingView

No fechamento da matéria, o Bitcoin era negociado por US$ 33.372 no exterior e, no Brasil, rondava os R$ 167.600, de acordo com o Cointrader Monitor.

O artigo Bitcoin (BTC) volta a cair e próximas horas são cruciais; TRON sobe 16% foi visto pela primeira vez em BeInCrypto.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos