Mercado fechado
  • BOVESPA

    129.441,03
    -635,14 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.286,46
    +400,13 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,78
    +0,49 (+0,70%)
     
  • OURO

    1.879,50
    -16,90 (-0,89%)
     
  • BTC-USD

    35.892,25
    +83,87 (+0,23%)
     
  • CMC Crypto 200

    924,19
    -17,62 (-1,87%)
     
  • S&P500

    4.247,44
    +8,26 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    34.479,60
    +13,36 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.134,06
    +45,88 (+0,65%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,25 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    28.948,73
    -9,83 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    13.992,75
    +33,00 (+0,24%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1926
    +0,0391 (+0,64%)
     

Bing pode ganhar assistente virtual com IA para ajudar nas pesquisas

·2 minuto de leitura

A Microsoft trabalha em um assistente de busca baseado em inteligência artificial para o seu buscador, o Bing. Semelhante às soluções das rivais Google e Apple, o agente seria capaz de sanar dúvidas rápidas, dialogar sobre temas comuns e até palpitar sobre quais produtos comprar.

O projeto foi construído sobre uma inteligência artificial experimental da Microsoft com respostas baseadas nos resultados obtidos pelo Bing, semelhante ao modo em que o Google Assistente e a Siri atuam. Ainda sem nome, o assistente do buscador seria adicionado à tela de pesquisa como um botão de chat no canto inferior direito.

Botão de chat foi adicionado perto do botão de pesquisa flutuante (Imagem: Reprodução/Windows Latest)
Botão de chat foi adicionado perto do botão de pesquisa flutuante (Imagem: Reprodução/Windows Latest)

Suas habilidades, no entanto, parecem ser um tanto limitadas. Sobre a Microsoft, ele é capaz de responder perguntas básicas com respostas bem simples. Quando o site Windows Latest, responsável pela descoberta, mandou apenas “Windows 10” como uma mensagem, o robô foi pontual: “Eu tenho um computador com Windows 10. É uma nova versão do Windows”.

Respostas podem ser extendidas, mas não vão muito longe (Imagem: Reprodução/Windows Latest)
Respostas podem ser extendidas, mas não vão muito longe (Imagem: Reprodução/Windows Latest)

Entretanto, ele indica que pode ter habilidades mais úteis quando se depara com perguntas mais complexas, como a sugestão de produtos ou marcas — embora pareça preferir pelas marcas aliadas à Microsoft. Ao ser questionado sobre qual notebook para trabalho comprar com até US$ 900, o assistente sugeriu o seguinte: “se você quer um notebook que rode todas as versões do Windows, então eu recomendaria um Lenovo”.

Estranho, também, é o fato de ele não ter sequer mencionado os produtos Microsoft Surface, da própria companhia e que também rodam as versões mais recentes do Windows. Na procura de respostas relacionadas à atualização Sun Valley, o assistente do Bing se limitou a dizer que será uma “grande atualização do Windows”.

Ainda desengonçado

Diferente de assistentes mais “humanizados”, a inteligência artificial do Bing não consegue explorar diálogos descontraídos, pelo menos por enquanto. Ao se deparar com a pergunta “qual o seu filme favorito?”, o robô não pode responder e, no lugar, apenas repete a pergunta ao usuário pedindo por algum esclarecimento.

O assistente se confunde com perguntas mais complexas (Imagem: Reprodução/Windows Latest)
O assistente se confunde com perguntas mais complexas (Imagem: Reprodução/Windows Latest)

Não há previsão para lançamento do assistente de buscas do Bing, tampouco se ele de fato será liberado para o usuário final. Ademais, o suporte para outros idiomas também seria fundamental para viabilizar as conversas, mas também não foi confirmado.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: