Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.123,85
    -3.459,16 (-3,05%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.925,52
    -673,01 (-1,30%)
     
  • PETROLEO CRU

    74,70
    -0,59 (-0,78%)
     
  • OURO

    1.735,30
    -2,20 (-0,13%)
     
  • BTC-USD

    41.645,92
    -684,77 (-1,62%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.026,86
    -30,28 (-2,86%)
     
  • S&P500

    4.352,63
    -90,48 (-2,04%)
     
  • DOW JONES

    34.299,99
    -569,38 (-1,63%)
     
  • FTSE

    7.028,10
    -35,30 (-0,50%)
     
  • HANG SENG

    24.500,39
    +291,61 (+1,20%)
     
  • NIKKEI

    29.638,68
    -545,28 (-1,81%)
     
  • NASDAQ

    14.839,75
    +75,00 (+0,51%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3398
    -0,0028 (-0,04%)
     

Bilionários têm plano para escapar dos impostos de Biden

·3 minuto de leitura
A ameaça de impostos mais altos - o que o presidente Biden chama de fazer bilionários e milionários pagarem sua "parcela justa" - não é o único fator que desperta o interesse na PPLI. (REUTERS/Kevin Lamarque)
  • Presidente americano deseja aumentar os impostos contra os bilionários

  • PPLI é uma forma de manter a riqueza para a família

  • Bilionários americanos são 0,1% da população norte-americana

Os americanos mais ricos estão querendo esconder suas riquezas do presidente Joe Biden, que deseja aumentar os impostos para o topo da pirâmide. E em Wall Street, uma nova estratégia tem aparecido. O nicho está usando um seguro de vida, o PPLI, para conseguir proteger suas fortunas e assim evitar o ‘corte’ que o democrata pretende fazer.

Leia também:

A ameaça de impostos mais altos - o que o presidente Biden chama de fazer bilionários e milionários pagarem sua "parcela justa" - não é o único fator que desperta o interesse na PPLI. Uma mudança pouco notada na lei de seguros dos EUA no final de 2020 torna a ferramenta mais poderosa, ao mesmo tempo que a competição entre seguradoras e firmas de consultoria está dando aos investidores ricos mais flexibilidade, custos mais baixos e uma escolha mais ampla de produtos em plataformas.

Desde que os ativos sejam mantidos em uma apólice de PPLI, eles escapam aos impostos. Quando um segurado morre, os herdeiros herdam o conteúdo do PPLI sem impostos. Essas vantagens atingem o cerne dos planos de Biden de fazer com que os muito ricos paguem mais impostos sobre seus investimentos, especialmente sobre ganhos de capital que atualmente não são cobrados se os ativos forem mantidos até a morte.

Embora mais e mais ativos estejam fluindo para a estratégia da PPLI, ela continua sendo uma pequena fatia dos trilhões de dólares mantidos nas carteiras dos americanos mais ricos. Caso Biden e os democratas forem bem-sucedidos na aprovação de um projeto de reconciliação que aumenta os impostos, a estratégia pode se tornar mais dominante, pelo menos entre aqueles com mais ganhos de capital para proteger da Receita Federal.

O PPLI tem suas desvantagens. Regras estritas e muito complicadas determinam se uma apólice se qualifica como seguro de vida - uma distinção importante porque é isso que dá a essas contas seus benefícios fiscais. As políticas podem falhar se não forem financiadas adequadamente ao longo do tempo. Uma vez que os ativos estão dentro de um PPLI, eles não podem ser retirados sem uma grande cobrança de impostos - embora possam ser emprestados ou transformados em outro produto de seguro.

As regras do IRS também exigem que os segurados renunciem ao controle diário das opções de investimento de seus PPLI - um fator decisivo para alguns - e o portfólio precisa ser diversificado de maneiras específicas.

Apesar das dificuldades, a qualificação como seguro de vida traz vantagens exclusivas. As prestações por morte, pagas quando um segurado falece, evitam todos os impostos e os ganhos sobre os investimentos mantidos dentro de uma apólice de seguro são acumulados com isenção de impostos.

A ferramenta também pode ser combinada com outras lacunas: escritórios de família, por exemplo, podem comprar apólices de PPLI dentro de fundos de dinastia, que são veículos que permitem que várias gerações de herdeiros ricos evitem o imposto de propriedade.

O mínimo necessário para iniciar uma apólice de PPLI é cerca de US$ 2 milhões, dizem os consultores, mas é muito mais comum que os investidores dediquem pelo menos US$ 5 milhões à estratégia, o suficiente para fazer com que os custos administrativos e legais de inicialização valham a pena. Retirar dinheiro de um PPLI enquanto você ainda está vivo é tributável, então você só deve aplicar dinheiro de que tem certeza de que nunca vai precisar.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos