Mercado abrirá em 7 h 58 min
  • BOVESPA

    106.247,15
    -2.542,18 (-2,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.394,03
    -1.070,00 (-2,08%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,66
    +1,07 (+0,98%)
     
  • OURO

    1.815,10
    -0,80 (-0,04%)
     
  • BTC-USD

    29.092,89
    -720,82 (-2,42%)
     
  • CMC Crypto 200

    648,22
    -22,46 (-3,35%)
     
  • S&P500

    3.923,68
    -165,17 (-4,04%)
     
  • DOW JONES

    31.490,07
    -1.164,52 (-3,57%)
     
  • FTSE

    7.438,09
    -80,26 (-1,07%)
     
  • HANG SENG

    20.179,30
    -464,98 (-2,25%)
     
  • NIKKEI

    26.397,52
    -513,68 (-1,91%)
     
  • NASDAQ

    11.944,00
    +8,50 (+0,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2350
    +0,0167 (+0,32%)
     

Biden dobra fornecimento de pílulas anticovid nos EUA

·1 min de leitura
O presidente dos EUA, Joe Biden, embarca no Força Aérea Um na base da Guarda Aérea Nacional de Delaware em New Castle, Delaware, em 25 de abril de 2022 (AFP/Stefani Reynolds) (Stefani Reynolds)

O governo de Joe Biden afirmou nesta terça-feira (26) que está dobrando o número de lugares onde os americanos vulneráveis podem comprar pílulas para o tratamento da covid-19.

Os tratamentos via oral, como a pílula Paxlovid de Pfizer, são considerados uma nova e importante arma na luta para eliminar o vírus, que já matou quase um milhão de pessoas apenas nos Estados Unidos e que continua se espalhando.

"Um dos tratamentos disponíveis mais eficazes é aquele com a pílula antiviral oral da Pfizer, Paxlovid, que tem demonstrado reduzir o risco de hospitalização ou morte em aproximadamente 90%", declarou um alto funcionário do governo à imprensa.

Com 20 milhões de pacotes do medicamento solicitado pelo governo, agora "há um amplo fornecimento" e os pontos de distribuição passarão dos 20 mil atuais para cerca de 40 mil, disse o mesmo funcionário.

As pílulas estão disponíveis em farmácias, centros de saúde comunitários, hospitais e centros médicos do governo. A agência americana de alimentos e medicamentos FDA autorizou seu uso para pessoas vulneráveis maiores de 12 anos.

O funcionário afirmou que, até agora, foram administrados aproximadamente meio milhão desses tratamentos antivirais e que o ritmo segue crescendo.

Porém, a estratégia a longo prazo do governo Biden na luta contra a covid-19 -que inclui programas nacionais e uma campanha de doação de vacinas em larga escala no estrangeiro- está em xeque, já que a aprovação de mais recursos está parada no Congresso.

O que "realmente nos preocupa, em relação ao futuro, são os tratamentos futuros. E por isso necessitamos do financiamento do Congresso, para garantir as necessidades essenciais", disse o funcionário.

sms/jh/ps/rsr/gf

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos