Mercado abrirá em 5 h 40 min
  • BOVESPA

    119.646,40
    -989,99 (-0,82%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.125,71
    -369,70 (-0,81%)
     
  • PETROLEO CRU

    53,28
    +0,04 (+0,08%)
     
  • OURO

    1.873,90
    +7,40 (+0,40%)
     
  • BTC-USD

    34.667,50
    +4,88 (+0,01%)
     
  • CMC Crypto 200

    686,27
    +6,36 (+0,94%)
     
  • S&P500

    3.851,85
    +52,94 (+1,39%)
     
  • DOW JONES

    31.188,38
    +257,86 (+0,83%)
     
  • FTSE

    6.740,39
    +27,44 (+0,41%)
     
  • HANG SENG

    29.987,09
    +24,62 (+0,08%)
     
  • NIKKEI

    28.756,86
    +233,60 (+0,82%)
     
  • NASDAQ

    13.380,50
    +86,25 (+0,65%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4177
    +0,0097 (+0,15%)
     

Biden diz que considerou nomear Bernie Sanders como secretário de Trabalho

·1 minuto de leitura
O presidente eleito Joe Biden disse que pensou em nomear o senador Bernie Sanders como seu secretário do Trabalho

O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, disse nesta sexta-feira (8) que cogitou nomear Bernie Sanders, senador por Vermont e líder da ala mais à esquerda dos democratas, como secretário do Trabalho, mas decidiu não alterar a frágil maioria no Senado.

"Pensei seriamente em nomear meu amigo Bernie Sanders para este posto", afirmou Biden a repórteres em Wilmington, Delaware, ao anunciar cargos-chave de sua equipe econômica.

"Tenho certeza de que ele faria um trabalho fantástico", acrescentou Biden sobre um de seus adversários nas primárias democratas. "Não consigo pensar em um aliado mais fervoroso dos trabalhadores neste país."

Biden explicou que concordou com Sanders em não levar adiante a ideia depois que os democratas obtiveram um controle apertado do Senado após duas vitórias na Geórgia dias atrás.

Os dois concordaram que Biden, de 79 anos, será mais importante no Congresso.

Democratas e republicanos agora terão 50 cadeiras cada na câmara alta, mas os primeiros têm a maioria garantida com o voto de desempate da vice-presidente eleita Kamala Harris.

Biden acabou indicando o prefeito de Boston, Marty Walsh, para comandar o Departamento de Trabalho.

cl/acb/tly/lda/ic/mvv