Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.672,76
    -3.755,42 (-3,28%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.402,73
    -283,30 (-0,54%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,01
    +0,57 (+0,69%)
     
  • OURO

    1.769,40
    +3,70 (+0,21%)
     
  • BTC-USD

    64.099,50
    +2.926,36 (+4,78%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.481,22
    +17,87 (+1,22%)
     
  • S&P500

    4.519,63
    +33,17 (+0,74%)
     
  • DOW JONES

    35.457,31
    +198,70 (+0,56%)
     
  • FTSE

    7.217,53
    +13,70 (+0,19%)
     
  • HANG SENG

    25.787,21
    +377,46 (+1,49%)
     
  • NIKKEI

    29.215,52
    +190,06 (+0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.410,75
    +120,25 (+0,79%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4964
    +0,1049 (+1,64%)
     

Biden diz que acordo sobre imposto global corporativo ajuda famílias trabalhadoras dos EUA

·1 minuto de leitura
O presidente dos EUA, Joe Biden

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, saudou nesta sexta-feira um novo acordo global para garantir que as grandes empresas paguem uma taxa mínima de imposto de 15% e disse que isso ajudará as famílias trabalhadoras do país.

"Por décadas os trabalhadores e contribuintes norte-americanos pagaram o preço por um sistema tributário que recompensa as corporações multinacionais por levarem empregos e lucros para o exterior", disse Biden, que apoiou fortemente a ideia do imposto mínimo.

"Esta guerra fiscal não prejudicou apenas os trabalhadores norte-americanos, mas também colocou muitos de nossos aliados em desvantagem competitiva."

(Por Doina Chiacu)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos