Mercado fechará em 6 h 49 min
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,74 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,55
    +3,40 (+4,99%)
     
  • OURO

    1.795,40
    +7,30 (+0,41%)
     
  • BTC-USD

    57.040,35
    +2.494,88 (+4,57%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.425,14
    -30,27 (-2,08%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,06 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.128,31
    +84,28 (+1,20%)
     
  • HANG SENG

    23.852,24
    -228,28 (-0,95%)
     
  • NIKKEI

    28.283,92
    -467,70 (-1,63%)
     
  • NASDAQ

    16.192,50
    +141,50 (+0,88%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3079
    -0,0406 (-0,64%)
     

Biden conversa com CEOs do Walmart, UPS e Target sobre gargalos

·2 min de leitura

(Bloomberg) -- O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, conversou na terça-feira com os diretores-presidentes do Walmart, United Parcel Service, FedEx e Target sobre como aliviar os gargalos da cadeia de suprimentos, segundo um funcionário da Casa Branca.

Most Read from Bloomberg

Biden e os executivos - Doug McMillon, do Walmart, Carol B. Tome, da UPS, Fred Smith, da FedEx, e Brian Cornell, da Target- falaram sobre possíveis medidas para acelerar as entregas e baixar os preços, disse o funcionário, sem dar mais detalhes.

Os executivos disseram ao presidente que as prateleiras estarão bem abastecidas para as festas de fim de ano, segundo a fonte. Biden está sob pressão para resolver o congestionamento da cadeia de suprimentos e aliviar as pressões inflacionárias com o início das compras de Natal.

Na terça-feira, o governo Biden anunciou um plano para diminuir os gargalos nos portos. O presidente planeja uma visita ao Porto de Baltimore para promover o projeto de infraestrutura aprovado pelo Congresso na semana passada para sua assinatura. As medidas incluem permitir que os portos gastem subvenções não utilizadas em projetos para reduzir o congestionamento, como pátios de armazenamento temporário de contêineres, e a promessa de lançar a primeira rodada de concessões portuárias do projeto de infraestrutura em 90 dias.

Biden destacou o plano de portos e o programa de infraestrutura na teleconferência com os executivos, disse o funcionário. A Casa Branca indicou que Biden assinará o projeto de lei na semana que vem.

Em comunicado na terça-feira, a rede varejista Target disse que a empresa tem “cumprido os compromissos assumidos com a Força-Tarefa de Cadeia de Suprimentos da Casa Branca para aumentar a eficiência e diminuir o congestionamento portuário. Isso incluiu aumentar nosso processamento noturno de contêineres, com base em nossas práticas existentes de movimentar cerca da metade de nossos contêineres à noite.”

“Apoiamos as ações do governo para reunir empresas, transportadoras e operadoras portuárias como forma de enfrentar os desafios da cadeia de suprimentos”, acrescentou a Target no comunicado.

UPS e Walmart não quiseram comentar. A FedEx disse em comunicado que o CEO e a empresa “apreciaram a oportunidade de discutir este importante assunto com o governo”.

A cadeia de suprimentos dos EUA está sob pressão da demanda recorde impulsionada pelo crescimento do comércio eletrônico, da escassez de trabalhadores e maiores gastos em bens materiais, já que os americanos evitaram viagens e passeios durante a pandemia.

As medidas de Biden incluíram acordos para que os portos de Los Angeles e Long Beach operem 24 horas e promessas de varejistas para expandir os próprios embarques.

Most Read from Bloomberg Businessweek

©2021 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos