Mercado abrirá em 3 h 38 min
  • BOVESPA

    111.183,95
    -355,84 (-0,32%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.377,47
    +695,28 (+1,52%)
     
  • PETROLEO CRU

    61,37
    +0,09 (+0,15%)
     
  • OURO

    1.708,20
    -7,60 (-0,44%)
     
  • BTC-USD

    49.567,79
    -639,39 (-1,27%)
     
  • CMC Crypto 200

    993,31
    +6,10 (+0,62%)
     
  • S&P500

    3.819,72
    -50,57 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    31.270,09
    -121,43 (-0,39%)
     
  • FTSE

    6.627,99
    -47,48 (-0,71%)
     
  • HANG SENG

    29.236,79
    -643,63 (-2,15%)
     
  • NIKKEI

    28.930,11
    -628,99 (-2,13%)
     
  • NASDAQ

    12.630,75
    -51,00 (-0,40%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7699
    -0,0088 (-0,13%)
     

Biden assina decretos sobre clima, imigração e energia em primeiro dia no cargo

Trevor Hunnicutt
·1 minuto de leitura
Presidente dos EUA, Joe Biden, assina decretos no Salão Oval da Casa Branca

Por Trevor Hunnicutt

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, começou a assinar nesta quarta-feira 15 decretos relacionados à pandemia de coronavírus, mudanças climáticas e desigualdade racial, e também a reverter políticas do seu antecessor Donald Trump.

Os decretos, cumprindo sua promessa de agir rapidamente desde o primeiro dia de governo, iniciaram o processo para que os EUA retornem ao acordo do clima de Paris e incluem a revogação da licença presidencial concedida ao controverso oleoduto da Keystone XL.

As medidas tomadas por Biden encerrarão uma proibição que Trump impôs para a chegada de pessoas de países majoritariamente muçulmanos. Ele também determinou que seu governo reforce um programa de apoio a imigrantes levados aos EUA como crianças.

O novo presidente também ordenou o uso de máscaras e distanciamento social em todos os prédios e terrenos federais e encerrou a declaração de emergência nacional que servia como base para desviar fundos federais para a construção de um muro na fronteira com o México.