Mercado fechado
  • BOVESPA

    112.316,16
    -1.861,39 (-1,63%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.774,91
    -389,10 (-0,71%)
     
  • PETROLEO CRU

    79,38
    -1,63 (-2,01%)
     
  • OURO

    1.943,90
    -2,80 (-0,14%)
     
  • BTC-USD

    23.177,53
    +177,02 (+0,77%)
     
  • CMC Crypto 200

    526,66
    +9,65 (+1,87%)
     
  • S&P500

    4.070,56
    +10,13 (+0,25%)
     
  • DOW JONES

    33.978,08
    +28,67 (+0,08%)
     
  • FTSE

    7.765,15
    +4,04 (+0,05%)
     
  • HANG SENG

    22.688,90
    +122,12 (+0,54%)
     
  • NIKKEI

    27.382,56
    +19,81 (+0,07%)
     
  • NASDAQ

    12.221,00
    +114,25 (+0,94%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5462
    +0,0265 (+0,48%)
     

Beneficiários do INSS vão receber até R$ 1,6 bilhão em atrasados

INSS: Os beneficiários que ganharam a ação e receberam a chamada de autuação, ou seja, a ordem de pagamento do juiz, em qualquer dia do mês de maio, têm direito aos atrasados desde que seja de até 60 salários-mínimos (Getty Creative)
INSS: Os beneficiários que ganharam a ação e receberam a chamada de autuação, ou seja, a ordem de pagamento do juiz, em qualquer dia do mês de maio, têm direito aos atrasados desde que seja de até 60 salários-mínimos (Getty Creative)
  • INSS: Beneficiários que ganharam a ação e receberam a chamada de autuação em qualquer dia do mês de maio têm direito aos atrasados

  • A quantia será direcionada para 102.404 segurados que ganharam o direito à concessão ou revisão do benefício previdenciário ou assistencial

  • Para saber se poderá receber, o beneficiário deverá consultar o site do TRF da região onde o processo foi analisado

Beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que processaram a entidade e venceram os processos poderão receber R$ 1,6 bilhão em atrasados de até 60 salários-mínimos (R$ 72.720) da Justiça Federal ainda no mês de junho.

A quantia, liberada pelo Conselho da Justiça Federal (CJF) nesta segunda-feira aos Tribunais Regionais Federais (TRFs), será direcionada para 102.404 segurados que ganharam o direito à concessão ou revisão do benefício previdenciário ou assistencial em 79.072 processos e cuja ordem de pagamento foi emitida em maio.

O valor de R$ 1,6 bilhão corresponde a até 60 salários-mínimos (R$ 72.720) da Justiça Federal e a data de pagamento ao beneficiário varia de acordo com cada tribunal.

Quem tem direito?

Os beneficiários que ganharam a ação e receberam a chamada de autuação, ou seja, a ordem de pagamento do juiz, em qualquer dia do mês de maio, têm direito aos atrasados desde que seja de até 60 salários-mínimos (o equivalente a R$ 72.720). A ação não pode ter nenhuma possibilidade de recurso por parte do INSS.

Para saber se poderá receber, o beneficiário deverá consultar o site do TRF da região onde o processo foi analisado ou entrar em contato com o advogado da causa, caso algum tenha sido acionado para dar andamento ao processo.

No caso dos segurados que têm direito a valores maiores de atrasados, ou seja, os precatórios, que são dívidas judiciais do governo acima de 60 salários mínimos, deverão ser ressarcidos entre julho e agosto. Neste caso, têm direito apenas aposentados e demais beneficiários com ordem de pagamento emitida entre os dias 2 de julho de 2020 e 1º de julho de 2021.