Mercado abrirá em 3 h 41 min
  • BOVESPA

    100.763,60
    +2.091,34 (+2,12%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.294,83
    +553,33 (+1,16%)
     
  • PETROLEO CRU

    111,21
    +1,64 (+1,50%)
     
  • OURO

    1.827,30
    +2,50 (+0,14%)
     
  • BTC-USD

    21.151,80
    -306,67 (-1,43%)
     
  • CMC Crypto 200

    461,74
    -0,06 (-0,01%)
     
  • S&P500

    3.900,11
    -11,63 (-0,30%)
     
  • DOW JONES

    31.438,26
    -62,42 (-0,20%)
     
  • FTSE

    7.333,85
    +75,53 (+1,04%)
     
  • HANG SENG

    22.418,97
    +189,45 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    27.049,47
    +178,20 (+0,66%)
     
  • NASDAQ

    12.113,75
    +73,25 (+0,61%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5345
    -0,0096 (-0,17%)
     

BCE não será dominado por considerações fiscais, diz Lagarde

Presidente do BCE, Christine Lagarde

LONDRES (Reuters) - O Banco Central Europeu (BCE) deve se concentrar em levar a inflação de volta à sua meta de 2% e a política monetária não pode ser dominada por considerações fiscais, disse a presidente do BCE, Christine Lagarde, nesta quarta-feira.

"Não podemos ceder ao domínio fiscal", afirmou Lagarde em um fórum público. "Nem podemos nos render ao domínio financeiro. Temos que cumprir nosso mandato, que é, como muitos de vocês sabem, estabilidade de preços."

O BCE disse mais cedo nesta quarta-feira que vai conter o aumento nos custos de empréstimos dos Estados-membros da região sul depois que uma explosão nos rendimentos prejudicaria a transmissão da política monetária da instituição e sua capacidade de combater a inflação.

(Reportagem por David Milliken e Marc Jones)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos