Mercado abrirá em 8 mins
  • BOVESPA

    120.705,91
    +995,88 (+0,83%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.829,31
    +80,90 (+0,17%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,32
    +0,50 (+0,78%)
     
  • OURO

    1.835,70
    +11,70 (+0,64%)
     
  • BTC-USD

    50.273,75
    +166,81 (+0,33%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.396,62
    +8,71 (+0,63%)
     
  • S&P500

    4.112,50
    +49,46 (+1,22%)
     
  • DOW JONES

    34.021,45
    +433,79 (+1,29%)
     
  • FTSE

    7.010,65
    +47,32 (+0,68%)
     
  • HANG SENG

    28.027,57
    +308,90 (+1,11%)
     
  • NIKKEI

    28.084,47
    +636,46 (+2,32%)
     
  • NASDAQ

    13.214,75
    +114,50 (+0,87%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4050
    -0,0075 (-0,12%)
     

BCE não pode ir à falência mesmo que tenha prejuízo

·1 minuto de leitura
Presidente do BCE, Christine Lagarde

FRANKFURT (Reuters) - O Banco Central Europeu não poderia "nem ir à falência nem ficar sem dinheiro", mesmo que sofra prejuízo com os vários trilhões de euros em títulos que comprou com seus programas de estímulo, disse nesta quinta-feira a presidente do BCE, Christine Lagarde.

"Como único emissor de dinheiro de bancos centrais denominado em euros, o eurosistema sempre será capaz de gerar liquidez adicional conforme necessário", disse Lagarde em resposta a uma pergunta de um membro italiano do Parlamento Europeu.

"Então, por definição, não vai falir nem ficar sem dinheiro. Além disso, quaisquer perdas financeiras, caso ocorram, não prejudicariam nossa capacidade de buscar e manter a estabilidade de preços."

Em resposta a uma pergunta, Lagarde acrescentou que não há base legal para o BCE cancelar a dívida pública que possui.

(Por Francesco Canepa)