Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,33 (-0,68%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,59 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    74,43
    +0,45 (+0,61%)
     
  • OURO

    1.750,70
    -1,00 (-0,06%)
     
  • BTC-USD

    43.682,76
    +943,07 (+2,21%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.067,20
    -35,86 (-3,25%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,20 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.051,48
    -26,87 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    24.192,16
    -318,84 (-1,30%)
     
  • NIKKEI

    30.248,81
    +609,41 (+2,06%)
     
  • NASDAQ

    15.319,75
    +1,00 (+0,01%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2557
    +0,0307 (+0,49%)
     

BC vai adotar medidas para aumentar segurança do Pix, diz Campos Neto

·1 minuto de leitura
BC vai adotar medidas para aumentar segurança do Pix, diz Campos Neto

Por Isabel Versiani

BRASÍLIA (Reuters) -O Banco Central anunciará em breve medidas para aumentar a segurança do Pix, disse nesta sexta-feira o presidente da autarquia, Roberto Campos Neto, citando como possibilidade regras para que usuários possam eleger horários para bloquear o serviço.

O anúncio, feito em evento patrocinado pela Febraban, vem após veiculação de notícias relatando aumento do registro de sequestros relâmpagos e roubos envolvendo transferência de recursos por meio do Pix.

"É muito importante passar a mensagem que a gente vai fazer todo o possível e imaginário para que o sistema seja o mais seguro possível e possa atender o maior número de pessoas", disse Campos Neto no evento Esfera Brasil.

Ele ponderou que as pessoas também podem ser vítimas de crimes com TEDs e DOCs e que o uso dos ATMs (caixas eletrônicos) também teve que sofrer ajustes para melhorar a segurança. Para Campos Neto, o Pix tem a vantagem de permitir o rastreamento mais acelerado das contas --seja de laranjas ou dos próprios criminosos-- envolvidas em eventuais golpes e crimes.

"O Pix vai ajudar nesse sentido porque é mais rápido do que o TED e que o DOC para rastrear", afirmou.

Campos Neto ressaltou que o Pix, instituído no ano passado em meio à pandemia, tem sido um importante instrumento de estímulo à bancarização e também tem impulsionado novos modelos de negócios. O sistema tinha 294,1 milhões de chaves registradas em julho, segundo o BC, e é o principal instrumento de pagamento utilizado pela população.

(Edição de José de Castro)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos