Mercado fechado
  • BOVESPA

    112.690,17
    +1.506,22 (+1,35%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.004,19
    -373,28 (-0,80%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,24
    +0,41 (+0,64%)
     
  • OURO

    1.691,80
    -8,90 (-0,52%)
     
  • BTC-USD

    47.956,57
    -2.698,48 (-5,33%)
     
  • CMC Crypto 200

    968,73
    -18,48 (-1,87%)
     
  • S&P500

    3.768,47
    -51,25 (-1,34%)
     
  • DOW JONES

    30.924,14
    -345,95 (-1,11%)
     
  • FTSE

    6.650,88
    -24,59 (-0,37%)
     
  • HANG SENG

    29.236,79
    -643,63 (-2,15%)
     
  • NIKKEI

    28.930,11
    -628,99 (-2,13%)
     
  • NASDAQ

    12.411,50
    -43,50 (-0,35%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7821
    +0,0034 (+0,05%)
     

BC passa a divulgar ata de reuniões do seu comitê de estabilidade financeira

·1 minuto de leitura
Vista do prédio do Banco Central em Brasília

BRASÍLIA (Reuters) - O Banco Central passará a divulgar as atas das reuniões do Comef, órgão colegiado da autarquia que estabelece diretrizes para a preservação da estabilidade financeira e a prevenção a riscos sistêmicos.

O comitê realiza cerca de quatro reuniões ao ano e a próxima está prevista para 2 de março. A publicação da ata ocorrerá até cinco dias úteis depois das reuniões, disse o BC nesta quarta-feira. O documento trará a avaliação do comitê sobre a estabilidade do sistema financeiro do país.

O BC informou, ainda, que a eficiência do sistema financeiro passará a constar entre as missões explícitas do Comef, sob o entendimento de que essa variável também afeta a estabilidade do sistema financeiro.

O Comef já divulga relatórios semestrais que trazem um panorama da evolução e perspectivas da estabilidade financeira no país, apontando os principais riscos e também resultados de testes de estresse.

No último relatório, divulgado em outubro, o BC avaliou que o sistema financeiro do país entrou no desafiador período do surto de coronavírus bem capitalizado, bem provisionado e com liquidez elevada. Disse ainda que as medidas implementadas pelo governo reforçaram essas condições de resiliência para o enfrentamento ao aumento do risco à estabilidade financeira.

(Por Isabel Versiani, edição de José de Castro)