Mercado fechará em 1 h 9 min
  • BOVESPA

    112.935,80
    +171,54 (+0,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.867,84
    +14,47 (+0,03%)
     
  • PETROLEO CRU

    89,51
    -2,58 (-2,80%)
     
  • OURO

    1.793,40
    -22,10 (-1,22%)
     
  • BTC-USD

    24.123,90
    -173,00 (-0,71%)
     
  • CMC Crypto 200

    572,49
    -18,27 (-3,09%)
     
  • S&P500

    4.297,54
    +17,39 (+0,41%)
     
  • DOW JONES

    33.928,12
    +167,07 (+0,49%)
     
  • FTSE

    7.509,15
    +8,26 (+0,11%)
     
  • HANG SENG

    20.040,86
    -134,76 (-0,67%)
     
  • NIKKEI

    28.871,78
    +324,80 (+1,14%)
     
  • NASDAQ

    13.672,75
    +95,00 (+0,70%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1733
    -0,0302 (-0,58%)
     

BC britânico diz a credores que se preparem para tempestade econômica

Sede do Banco da Inglaterra, em Londres

Por Andy Bruce e Huw Jones

LONDRES (Reuters) - O Banco da Inglaterra alertou nesta terça-feira que as perspectivas econômicas do Reino Unido e do mundo pioraram desde o início do ano, e disse aos bancos que aumentem suas reservas de capital para garantir que possam resistir à tempestade.

"As perspectivas econômicas globais se deterioraram acentuadamente. As condições financeiras globais como um todo apertaram significativamente", disse o presidente do Banco da Inglaterra, Andrew Bailey, em entrevista coletiva após o banco central britânico publicar seu Relatório de Estabilidade Financeira semestral.

Os desdobramentos em torno da guerra na Ucrânia também serão um ponto fundamental, acrescentou o banco.

Os credores britânicos estão bem posicionados para resistir até mesmo a uma recessão econômica severa, disse o banco central, embora tenha afirmado que seus índices de capital --ainda fortes-- devem cair ligeiramente nos próximos trimestres.

O banco central também expressou desconforto com a saúde dos principais mercados financeiros. "Em meio à alta volatilidade, as condições de liquidez se deterioraram mesmo em mercados em geral altamente líquidos, como o de Treasuries, gilts e futuros de taxas de juros", disse o Banco da Inglaterra.

Ele disse que os principais mercados britânicos --embora ainda funcionais-- se tornaram mais caros, com os spreads de compra e venda dos gilts (títulos soberanos do Reino Unido) de curto prazo mais que dobrando em comparação com a média de 2021.

"(As condições) podem continuar a se deteriorar, especialmente se a volatilidade do mercado aumentar ainda mais", disse o BoE.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos