Mercado fechado
  • BOVESPA

    107.829,73
    -891,85 (-0,82%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    53.335,51
    -713,54 (-1,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    77,28
    +0,14 (+0,18%)
     
  • OURO

    1.876,50
    +4,80 (+0,26%)
     
  • BTC-USD

    23.351,51
    +524,26 (+2,30%)
     
  • CMC Crypto 200

    538,86
    +12,91 (+2,45%)
     
  • S&P500

    4.164,00
    +52,92 (+1,29%)
     
  • DOW JONES

    34.156,69
    +265,67 (+0,78%)
     
  • FTSE

    7.864,71
    +28,00 (+0,36%)
     
  • HANG SENG

    21.298,70
    +76,54 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    27.539,04
    -146,43 (-0,53%)
     
  • NASDAQ

    12.760,25
    -16,50 (-0,13%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5750
    -0,0021 (-0,04%)
     

Metal líquido danifica o PS5 na vertical? Entenda a polêmica

Desde o lançamento do PlayStation 5, é um fato conhecido que o console utiliza metal líquido para resfriar o processador. No entanto, uma polêmica recente nas redes sociais relata que o vazamento desse material pode prejudicar o videogame, principalmente quando o PS5 está posicionado na vertical.

O alvoroço surgiu a partir de um vídeo do youtuber The Cod3r sobre problemas de vazamento do metal líquido no PS5. Além do vídeo, alguns relatos em redes sociais como Twitter e Facebook abordavam o mesmo problema em consoles mantidos na vertical.

Por que o metal líquido poderia causar problemas no PS5?

Primeiramente, é necessário entender o funcionamento desse componente. Devido ao poder de processamento do PlayStation 5, a temperatura do processador pode aumentar rapidamente e alcançar temperaturas que as tradicionais pastas térmicas não conseguem controlar com eficácia. Por isso, o metal líquido surge como alternativa para refrigerar e garantir estabilidade.

No entanto, o líquido precisa ser protegido para evitar vazamentos, pois o contato com outras partes pode causar curto-circuito. É exatamente esse o problema relatado: com o videogame posicionado na vertical, o metal líquido pode vazar com o efeito da gravidade, romper a barreira de proteção e escorrer até a placa-mãe.

Esse problema é real e relatado pelo próprio The Cod3r, youtuber e técnico especializado em consoles. Entretanto, uma reportagem do portal Wololo.net usou, de forma errônea, uma fala que associava o incidente a consoles lacrados na caixa. O site publicou uma retratação e o próprio youtuber disponibilizou um vídeo para negar a frase, que pode ser visto a seguir.

De forma resumida, o problema existe e o posicionamento na vertical pode contribuir com o vazamento. O youtuber informa que o metal líquido é um dos primeiros fatores checados quando recebe um PlayStation 5 que não liga, mas isso não significa que é a causa de todos os problemas — falhas em reguladores e capacitadores são outros fatores comuns.

Por outro lado, ainda não é possível identificar as causas e a frequência desse problema. A Sony ainda não se manifestou sobre a situação.

Como o PS5 protege o metal líquido?

Diante desse contexto, um usuário do Twitter tentou acalmar os ânimos ao explicar como funciona a proteção do metal líquido. O perfil @Zuby_Tech compartilhou uma patente da Sony, tornada pública em agosto de 2022, e detalhou as quatro camadas que ficam em torno do material.

O console usa uma fita isolante entre a APU e o dispersor de calor, um escudo para conter o metal líquido, esponja para evitar o vazamento e uma espécie de cobertura feita pelo dispersor.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Afinal, é perigoso usar o PS5 na vertical?

Ainda é difícil saber a origem desse problema. Pode estar vinculado a um lote ou situações de manuseio e transporte, por exemplo. É comum, também, encontrar relatos de pessoas que utilizam o console na vertical e nunca tiveram problemas com aquecimento ou falta de energia.

Portanto, ainda que o risco de vazamento seja real e comprovado, não existem mais indicadores ou fatores que contribuam para conhecer a causa e a incidência do erro. Por precaução, você pode manter o seu PlayStation 5 na horizontal até mais atualizações sobre o caso, mas usá-lo na vertical não necessariamente significa que o problema irá acontecer com o console.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: