Barril do Texas fecha em baixa de 0,64%

Nova York, 27 nov (EFE).- O petróleo do Texas caiu 0,64% nesta terça-feira e fechou em US$ 87,18 por barril em um dia marcado pelos persistentes temores ao chamado "abismo fiscal" nos Estados Unidos e às pessimistas previsões econômicas reveladas pela Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE).

No fechamento do segundo pregão da semana na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos de futuros do Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) para entrega em janeiro perderam US$ 0,56 em relação ao preço de fechamento de segunda-feira.

Os operadores apostaram pela venda do WTI enquanto seguem com inquietação as negociações entre republicanos e democratas do Congresso dos EUA, que devem alcançar um acordo que evite uma combinação de aumentos de impostos e maciços cortes do gasto público automáticos.

Por outra parte, a OCDE afirmou hoje que constatou um novo "enfraquecimento" da economia global após cinco anos de crise, e por isso advertiu que não se pode descartar que volte a ocorrer uma grande contração motivada pelos EUA ou pela zona do euro.

Já os contratos de gasolina com vencimento em dezembro somaram US$ 0,01 e fecharam em US$ 2,73 por galão (3,78 litros), enquanto os contratos de gasóleo para calefação para entrega no mesmo mês caíram US$ 0,04 e terminaram em US$ 3 por galão.

Por fim, os contratos de gás natural com vencimento também em dezembro ganharam US$ 0,04 e fecharam em US$ 3,77 por cada mil pés cúbicos. EFE

Carregando...