Mercado abrirá em 7 h 40 min
  • BOVESPA

    125.052,78
    -1.094,22 (-0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.268,45
    +27,95 (+0,06%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,55
    -0,52 (-0,72%)
     
  • OURO

    1.806,70
    +4,90 (+0,27%)
     
  • BTC-USD

    38.300,69
    +3.863,25 (+11,22%)
     
  • CMC Crypto 200

    918,29
    +124,56 (+15,69%)
     
  • S&P500

    4.411,79
    +44,31 (+1,01%)
     
  • DOW JONES

    35.061,55
    +238,15 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.027,58
    +59,28 (+0,85%)
     
  • HANG SENG

    26.452,18
    -869,80 (-3,18%)
     
  • NIKKEI

    27.836,71
    +288,71 (+1,05%)
     
  • NASDAQ

    15.080,50
    -17,50 (-0,12%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1233
    +0,0017 (+0,03%)
     

Bancos centrais vão acelerar alta do iuan da China, mostra pesquisa global

·1 minuto de leitura
Notas de iuanes em contador de cédulas

Por Marc Jones

LONDRES (Reuters) - O iuan chinês está em vias de se tornar uma parte muito mais influente do sistema financeiro mundial, com quase um terço dos bancos centrais planejando adicionar a moeda a seus ativos de reserva, mostrou uma pesquisa nesta quarta-feira.

A pesquisa 'Investidores Públicos Globais', publicada anualmente pelo instituto OMFIF, com sede em Londres, mostrou que 30% dos bancos centrais planejam aumentar as posições em iuanes nos próximos 12 a 24 meses, em comparação com apenas 10% no ano passado.

Outras descobertas notáveis do relatório mostraram que 75% dos bancos centrais agora pensam que a política monetária está exercendo influência excessiva nos mercados financeiros, embora apenas 42% achem que essas políticas precisam ser ativamente reconsideradas.

Em nítido contraste com o iuan, 20% dos bancos centrais planejam reduzir suas carteiras em dólares dos Estados Unidos nos próximos 12 a 24 meses, 18% planejam reduzir suas participações em euros e 14% querem cortar suas posições em dívida soberana da zona do euro.

(Por Marc Jones)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos