Mercado abrirá em 5 h 36 min
  • BOVESPA

    109.114,16
    -2.601,84 (-2,33%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.808,56
    -587,38 (-1,29%)
     
  • PETROLEO CRU

    77,68
    +0,97 (+1,26%)
     
  • OURO

    1.645,50
    +12,10 (+0,74%)
     
  • BTC-USD

    20.217,29
    +1.415,05 (+7,53%)
     
  • CMC Crypto 200

    461,90
    +28,80 (+6,65%)
     
  • S&P500

    3.655,04
    -38,19 (-1,03%)
     
  • DOW JONES

    29.260,81
    -329,60 (-1,11%)
     
  • FTSE

    7.036,67
    +15,72 (+0,22%)
     
  • HANG SENG

    17.793,33
    -61,81 (-0,35%)
     
  • NIKKEI

    26.571,87
    +140,32 (+0,53%)
     
  • NASDAQ

    11.433,75
    +117,50 (+1,04%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1991
    +0,0197 (+0,38%)
     

Balanços Itaú, BB, JBS, Minerva; Eve se une à Zenite: Radar SA

(Bloomberg) -- A temporada de balanços do 1º trimestre caminha para o final concentrando um volume expressivo de resultados -- entre os quais Azul, Itaú, Banco do Brasil, Braskem e Minerva -- nos próximos dias. A Zenite espera concluir a combinação de negócios com a Eve, da Embraer, no dia 9 de maio. A companhia que será criada espera captar mais de US$ 500 milhões em IPO na Nyse.

A semana

  • 09/maio: Assaí, Azul, Banco ABC Brasil, BB Seguridade, Blau, BTG Pactual, Caixa Seguridade, Grupo Mateus, Iochpe-Maxion, Itaú Unibanco, Meliuz, Mitre, Via informam resultados

  • 09/maio: Zanite espera o fechamento da combinação de negócios com a Eve, unidade da Embraer, rumo a um IPO na Nyse

  • 10/maio: Alupar, BrasilAgro, CVC, Cury, Mobly, Qualicorp, São Carlos, SBF, Valid, Vivara, Vivo divulgam balanço

  • 11/maio: Aliansce Sonae, Allpark, Banco do Brasil, Boa Vista, Braskem, Copel, Enjoei, Equatorial, Grupo Soma, JBS, Lavvi, Light, Lojas Marisa, Mahle Metal Leve, Mater Dei, Minerva, Moura Dubeux, Multilaser, Santos Brasil, SCL Agrícola, Sul América, Tenda, Ultrapar reportam resultados trimestrais

  • 12/maio: Aeris, Allied, B3, Banrisul, BK Brasil, Bradespar, BR Malls, CCR, Cogna, CPFL Energia, Enauta, Energisa, Eneva, Even, EZ Tec, GPS, Guararapes, IMC, Infracommerce, Locaweb, Melnick, MRV, Ourofino, Plano & Plano, Randon, Rede D’Or, SmartFit, Tecnisa, Track & Field, Tupy, Wiz, Yduqs divulgam balanço

  • 13/maio: Ambipar, Cemig, Cosan, Cyrela, M. Dias Branco, Raízen, Ser Educacional informam resultados

Fatia na CCR

A Andrade Gutierrez depende de um acordo com os credores externos da CCR para vender sua fatia na companhia, disseram para a Bloomberg pessoas familiarizadas com o assunto. A Andrade Gutierrez propõe agora que os detentores de eurobônus fiquem com R$ 820 milhões dos recursos recebidos pela venda, e não R$ 1,6 bilhão como proposto anteriormente. A dívida remanescente seria trocada por um novo título.

Abilio Diniz negocia

Uma nota publicada pelo colunista Lauro Jardim reacendeu nos investidores a possível volta de Abilio Diniz ao controle do GPA. O colunista disse que o bilionário e o grupo francês Casino estariam em negociações iniciais há dois meses, sem dar detalhes. Em 2021, o Globo já havia dito que Diniz gostaria de retomar o controle do GPA caso o Casino decidisse se desfazer de sua participação.

J&F e Braskem

As negociações entre a holding J&F e a Novonor (atual nome da Odebrecht) para a compra da Braskem avançaram, disse o colunista do Globo Lauro Jardim. A oferta seria pela empresa inteira, incluindo assim tanto a participação da antiga Odebrecht como da Petrobras, segundo o colunista.

More stories like this are available on bloomberg.com

©2022 Bloomberg L.P.