Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.247,15
    -2.542,18 (-2,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.394,03
    -1.070,00 (-2,08%)
     
  • PETROLEO CRU

    109,34
    -0,25 (-0,23%)
     
  • OURO

    1.814,60
    -1,30 (-0,07%)
     
  • BTC-USD

    29.288,32
    -1.090,90 (-3,59%)
     
  • CMC Crypto 200

    650,57
    -20,11 (-3,00%)
     
  • S&P500

    3.923,68
    -165,17 (-4,04%)
     
  • DOW JONES

    31.490,07
    -1.164,52 (-3,57%)
     
  • FTSE

    7.438,09
    -80,26 (-1,07%)
     
  • HANG SENG

    20.644,28
    +41,76 (+0,20%)
     
  • NIKKEI

    26.911,20
    +251,45 (+0,94%)
     
  • NASDAQ

    11.907,75
    -27,75 (-0,23%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2218
    +0,0114 (+0,22%)
     

Balanços fracos e ansiedade sobre Fed pressionam ações europeias

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Fachada da antiga Bolsa de Valores de Paris
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Por Sruthi Shankar e Shreyashi Sanyal

(Reuters) - As ações europeias caíram nesta quarta-feira, pressionadas por balanços decepcionantes e nervosismo de investidores antes da decisão de política monetária do banco central dos Estados Unidos, que deve adotar o maior aumento dos juros desde 2000 para domar a inflação. O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em queda de 1,08%, a 441,37 pontos, e a maioria dos índices regionais também foi negociado em território negativo. Os varejistas lideraram as perdas setoriais na Europa, com a britânica de moda online Boohoo cedendo 12,4% depois que a inflação dos custos de frete e logística levou a um declínio de 28% no resultado de seu principal negócio.

A Pandora teve queda de 2,1% depois que a joalheria dinamarquesa indicou incerteza elevada para sua projeção de balanço no ano.

No geral, investidores pareciam estar nervosos antes da decisão de política monetária do banco central dos EUA, a ser divulgada às 15h (horário de Brasília). O Fed deve elevar a taxa de juros em 0,50 ponto percentual e anunciar o início da redução de seu balanço patrimonial de 9 trilhões de dólares. "O movimento de alta dos juros do Fed pode estar amplamente precificado, mas os mercados estão claramente nervosos que um Comitê Federal de Mercado Aberto ainda mais 'hawkish' (agressivo contra a inflação) possa provocar aumento na volatilidade que pode levar os índices de volta para abaixo das mínimas da semana passada", disse Chris Beauchamp, analista-chefe de mercado da plataforma de negociação on-line IG.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,90%, a 7.493,45 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,49%, a 13.970,82 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 1,24%, a 6.395,68 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 1,40%, a 23.902,06 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 1,04%, a 8.500,50 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,88%, a 5.831,68 pontos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos