Mercado fechado
  • BOVESPA

    107.664,35
    -786,85 (-0,73%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.102,55
    -339,66 (-0,75%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,34
    +0,11 (+0,14%)
     
  • OURO

    1.671,80
    +3,20 (+0,19%)
     
  • BTC-USD

    19.481,14
    -23,84 (-0,12%)
     
  • CMC Crypto 200

    444,91
    -1,07 (-0,24%)
     
  • S&P500

    3.640,47
    -78,57 (-2,11%)
     
  • DOW JONES

    29.225,61
    -458,13 (-1,54%)
     
  • FTSE

    6.881,59
    -123,80 (-1,77%)
     
  • HANG SENG

    17.165,87
    0,00 (0,00%)
     
  • NIKKEI

    26.041,54
    -380,51 (-1,44%)
     
  • NASDAQ

    11.231,25
    +3,00 (+0,03%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,3068
    +0,0088 (+0,17%)
     

Bactéria legionella é causa de pneumonia misteriosa que já matou 6 na Argentina

Na última semana, a Argentina confirmou casos de um tipo misterioso de pneumonia que afeta os dois pulmões (bilateral) e é considerada grave. Na noite de domingo (4), as autoridades de saúde anunciaram que a condição é causada por uma bactéria do gênero Legionella. O número de mortes foi atualizado para seis.

Na Argentina, todos os casos de pneumonia causada pela bactéria legionella estão concentrados em uma única região, a província de Tucumán. Em comum, todos os infectados passaram por uma mesma clínica de saúde. Inclusive, parte dos 11 infectados é composta por funcionários do local.

Bactéria legionella é a causa da pneumonia misteriosa que já matou 6 pessoas na Argentina (Imagem: Wavebreakmedia/Envato)
Bactéria legionella é a causa da pneumonia misteriosa que já matou 6 pessoas na Argentina (Imagem: Wavebreakmedia/Envato)

No domingo, o Ministério da Saúde de Tucumán confirmou dois novos óbitos, sendo o primeiro de um homem de 81 anos e o segundo era de outro homem, de 64 anos. Ambos os casos foram relacionados à legionella.

Diante dos casos da pneumonia de causa desconhecido, uma equipe da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) — parte da Organização Mundial da Saúde (OMS) — foi escalada para acompanhar as investigações. Naquele momento, testes já descartavam a covid-19 e a gripe — influenza A e B.

Legionella e a pneumonia misteriosa

Vale explicar que a bactéria legionella pode ser encontrada em ambientes com água doce, como rios e lagos, na natureza. No entanto, pode ser disseminada através de tubulações de água ou ainda de dutos de ar-condicionado, explicou Carla Vizzotti, ministra da Saúde Nacional.

No momento, o segundo caso de transmissão prece ser o mais provável, considerando que todos os pacientes que tiveram a pneumonia misteriosa passaram pela mesma clínica. Por outro lado, a doença não é transmitida diretamente entre pessoas.

Quando infecta o paciente, a bactéria provoca a doença legionária, marcada por febre e infecção pulmonar aguda. O quadro raro tende a ser grave, especialmente para pessoas mais velhas ou com comorbidades.

Para a prevenção, a água para consumo humano deve ter passado pelo tratamento de limpeza adequado e os tanques e sistemas de uso da água devem ser limpos regularmente. Também é importante realizar análises regulares nos sistemas, o que evita o crescimento de bactérias potencialmente mortais, como a legionella.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: