Mercado fechado

Bélgica quer vacinar a população em geral a partir de junho

·1 minuto de leitura
Um membro da equipe médica prepara uma dose da vacina Pfizer / BioNtech COVID-19 no hospital Notre-Dame em Bruxelas, em 28 de dezembro de 2020, enquanto o país iniciava sua campanha nacional de vacinação para combater o coronavírus.

A Bélgica pretende acelerar sua campanha de vacinação contra a covid-19 e pode começar em junho a vacinar sua população geral, ou seja, todos que desejarem e forem maiores de 18 anos, anunciaram as autoridades nesta sexta-feira (8). 

Até agora, não estava previsto vacinar pessoas consideradas não prioritárias antes do verão. 

Mas de acordo com o calendário divulgado nesta sexta pela comissão responsável, uma "projeção teórica" que depende do fornecimento das vacinas, o governo pretende antecipar em algumas semanas a vacinação das categorias prioritárias para acelerar o processo.

A vacinação dos profissionais de saúde está prevista para "o final de janeiro", antes do fim da imunização nos 1.500 lares de idosos do país (residentes e funcionários). 

Maiores de 65 anos e pacientes considerados de risco serão vacinados a partir de março, seguidos dos trabalhadores "essenciais", em abril e, em junho, será imunizada a população em geral maior de 18 anos. 

A Bélgica, com 11,5 milhões de habitantes, onde a covid-19 matou quase 20.000 pessoas, espera ter vacinado 70% de sua população de forma gratuita e voluntária até o final de setembro, segundo informam as autoridades nesta sexta-feira.

mad/fmi/avz/jvb/eg/jc/mvv