Mercado abrirá em 5 h 42 min

Avianca Holdings anuncia mudanças na oferta de voos no Brasil

Cibelle Bouças

País é um "mercado muito importante" para a companhia, aponta Nissim Jabiles, diretor geral da Avianca no Brasil, Equador e Peru A colombiana Avianca Holdings, que reúne as empresas Avianca, Tampa Cargo, Aerolíneas Galápagos (Aerogal) e Taca, anunciou mudanças na sua oferta de voos no Brasil a partir de 29 de março.

As alterações fazem parte dos planos da companhia de concentrar a oferta de voos internacionais a partir de Bogotá, na Colômbia. Além de aumentar a oferta de voos para Bogotá, a Avianca vai reduzir voos para Lima, no Peru.

Reprodução / Facebook Avianca Holdings

Como parte dessas modificações, a rota de São Paulo para Bogotá terá aumento na oferta de voos de 14 para 21 frequências semanais enquanto a rota do Rio de Janeiro para Bogotá, de sete para 12 voos por semana.

Os voos do Rio de Janeiro para Lima sofrem uma redução de sete para três voos por semana até 11 de junho. O voo de Porto Alegre para Lima, por sua vez, será reduzido de sete para quatro frequências semanais.

A Avianca Holdings espera aprovação dos governos da Colômbia e do Brasil para oferecer a rota de Bogotá a Porto Alegre a partir de junho de 2020. Essa nova rota vai substituir a rota de Lima a Porto Alegre.

“Fechamos um 2019 com atividades e números muito positivos no Brasil: transportamos quase meio milhão de passageiros de São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre, assinamos dois acordos de codeshare que nos permitiram expandir a conectividade no Brasil, formamos um equipe comercial própria composta por 11 profissionais e fortalecemos o relacionamento com agências de viagens", avalia Nissim Jabiles, diretor geral da Avianca no Brasil, Equador e Peru, em comunicado.

Ele destaca que "o Brasil é um mercado muito importante para a Avianca". "Neste ano, estamos trabalhando para aumentar a oferta comercial e a conectividade do Brasil, aumentar nossa participação no mercado e ganhar a preferência dos passageiros. O primeiro passo é a reorganização da rede que estamos anunciando hoje”, afirmou.