Mercado abrirá em 9 h 36 min
  • BOVESPA

    116.134,46
    +6.097,67 (+5,54%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.429,75
    +802,95 (+1,80%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,68
    +0,05 (+0,06%)
     
  • OURO

    1.705,50
    +3,50 (+0,21%)
     
  • BTC-USD

    19.578,73
    +395,05 (+2,06%)
     
  • CMC Crypto 200

    445,20
    +9,85 (+2,26%)
     
  • S&P500

    3.678,43
    +92,81 (+2,59%)
     
  • DOW JONES

    29.490,89
    +765,38 (+2,66%)
     
  • FTSE

    6.908,76
    +14,95 (+0,22%)
     
  • HANG SENG

    17.079,51
    -143,32 (-0,83%)
     
  • NIKKEI

    26.840,75
    +624,96 (+2,38%)
     
  • NASDAQ

    11.368,25
    +82,50 (+0,73%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,0761
    +0,0022 (+0,04%)
     

Avenue mira 1 milhão de clientes após negócio com Itaú

Por Gabriel Araujo

SÃO PAULO (Reuters) - A corretora Avenue espera atingir a marca de 1 milhão de clientes em breve, disse um de seus executivos, depois que o Itaú Unibanco concordou em comprar uma participação na empresa.

A Avenue, que oferece acesso ao mercado externo para clientes brasileiros, tem 600 mil clientes atualmente e vê sua base de clientes crescendo constantemente, disse o diretor de marketing, Alexandre Reis, em entrevista à Reuters.

"Chegaremos a 1 milhão num futuro próximo," afirmou.

O Itaú anunciou em julho um acordo para comprar uma participação de 35% na Avenue por 493 milhões de reais.

O acordo também permitirá que o credor alcance uma participação de controle de 50,1% após dois anos e exerça uma opção de compra da participação acionária remanescente detida pelos acionistas da Avenue após cinco anos.

Reis disse que uma futura oferta pública inicial (IPO) também é possível, embora não tenha fornecido detalhes ou prazos específicos.

Várias empresas financeiras brasileiras foram listadas nos Estados Unidos nos últimos anos, incluindo a plataforma de investimentos XP Inc., os bancos digitais Nu Holdings e Inter&Co e as empresas de pagamento PagSeguro e StoneCo.

O acordo da corretora com o Itaú foi aprovado pela equipe técnica do regulador antitruste do Brasil em agosto e as empresas já criaram grupos de trabalho para preparar sua integração, disse Reis. A Avenue também é apoiada pelo SoftBank do Japão.

Atualmente, a corretora oferece aos brasileiros acesso a cerca de 8.000 ativos estrangeiros, incluindo ações, títulos, fundos mútuos, ETFs e criptomoedas.

Considerando a queda do mercado de ações, com o índice S&P 500 em baixa de cerca de 18% neste ano, a Avenue vê os brasileiros mais interessados em investir em renda fixa no exterior.

A empresa também deve lançar no próximo mês sua conta margem Avenue Pro, que permitirá empréstimos a investidores usando depósitos na conta como garantia.