Mercado fechado
  • BOVESPA

    109.758,04
    +1.744,57 (+1,62%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.701,64
    -121,59 (-0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    86,29
    -0,67 (-0,77%)
     
  • OURO

    1.841,00
    -2,20 (-0,12%)
     
  • BTC-USD

    42.992,02
    +1.159,97 (+2,77%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.021,92
    +26,65 (+2,68%)
     
  • S&P500

    4.551,59
    +18,83 (+0,42%)
     
  • DOW JONES

    35.160,98
    +132,33 (+0,38%)
     
  • FTSE

    7.585,01
    -4,65 (-0,06%)
     
  • HANG SENG

    24.952,35
    +824,50 (+3,42%)
     
  • NIKKEI

    27.772,93
    +305,70 (+1,11%)
     
  • NASDAQ

    15.125,75
    +92,25 (+0,61%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1325
    -0,0349 (-0,57%)
     

Auxílio Brasil poderá suspender benefícios nas revisões cadastrais; entenda

·1 min de leitura
Foto: Reprodução da internet.
Foto: Reprodução da internet.
  • As famílias aptas a receber o Auxílio Brasil poderão perder o benefício caso forneçam informações que não atendam aos critérios exigidos;

  • Por meio de revisões cadastrais periódicas, os beneficiários deverão atender a determinadas avaliações;

  • O programa conta com três regras de avaliação: averiguação cadastral; revisão cadastral; e revisão de elegibilidade.

Beneficiários do Auxílio Brasil poderão perder o benefício caso não passem nas revisões cadastrais que acontecerão periodicamente. Se as informações fornecidas não atenderem aos critérios exigidos, o auxílio poderá ser suspenso ou cancelado.

Leia também:

O programa conta com as seguintes regras de avaliação:

  • Averiguação cadastral: é a verificação periódica que informará ao Cadastro Único (CadÚnico) se o beneficiário tem as condições de elegibilidade para receber o Auxílio Brasil;

  • Revisão cadastral: é a verificação periódica que a família será convocada para fazer sobre as informações socioeconômicas, com os dados atualizados no CadÚnico, de forma a avaliar a continuidade do recebimento dos benefícios;

  • Revisão de elegibilidade: é a verificação das informações fornecidas pelo beneficiário para a manutenção do pagamento do auxílio.

Caso haja suspensão ou cancelamento do benefício, o beneficiário poderá apresentar recurso ao coordenador municipal do Auxílio Brasil. 

O prazo para entrar com interposição será de 30 dias, contados a partir da primeira tentativa de saque do benefício pelo responsável da família.

Desse modo, o coordenador municipal deverá liberar em cima do recurso apresentado dentro dos dias citados, contados a partir da data do registro de entrada no protocolo municipal.

As informações são Portal G1 e do Portal iG.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos