Mercado fechará em 6 h 32 min
  • BOVESPA

    114.428,18
    -219,81 (-0,19%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.686,03
    -112,35 (-0,21%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,09
    +0,65 (+0,79%)
     
  • OURO

    1.785,20
    +19,50 (+1,10%)
     
  • BTC-USD

    62.239,15
    +1.351,31 (+2,22%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.453,75
    +2,12 (+0,15%)
     
  • S&P500

    4.486,46
    +15,09 (+0,34%)
     
  • DOW JONES

    35.258,61
    -36,15 (-0,10%)
     
  • FTSE

    7.209,06
    +5,23 (+0,07%)
     
  • HANG SENG

    25.787,21
    +377,46 (+1,49%)
     
  • NIKKEI

    29.215,52
    +190,06 (+0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.355,50
    +65,00 (+0,43%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4675
    +0,0760 (+1,19%)
     

Auxílio emergencial não contemplará 5,4 milhões de cadastrados no Bolsa Família

·2 minuto de leitura
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 21.02.2019: Cédulas de real, moeda oficial brasileira. (Foto: Gabriel Cabral/Folhapress)
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 21.02.2019: Cédulas de real, moeda oficial brasileira. (Foto: Gabriel Cabral/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Ministério da Cidadania informou que 5,4 milhões de cadastrados no Bolsa Família não irão receber o auxílio emergencial 2021 neste mês porque deixaram de ser elegíveis para o benefício criado na pandemia. Estas famílias voltam a ter o valor normal do programa que é, em média, de R$ 306,67.

Pelas regras estabelecidas, o auxílio é pago às famílias com renda mensal total de até três salários mínimos (R$ 3.300), sendo que a renda por pessoa deve ser de até meio salário mínimo (R$ 550).

Para quem recebe o Bolsa Família, vale a regra do valor mais vantajoso, seja a parcela paga no programa social --que é de R$ 233,94, em média--, seja o auxílio emergencial.

Em setembro, 9,45 milhões de trabalhadores que fazem parte do Bolsa Família recebem o auxílio emergencial. Para este grupo, o valor total da folha de pagamentos é de R$ 2,83 bilhões, segundo o governo federal.

O ministério afirma que mais de 50% dos beneficiários são mulheres chefes de família, cuja parcela mensal é de R$ 375. Os contemplados com o valor padrão de R$ 250 são 33,4% dos beneficiários, enquanto pessoas que moram sozinhas e recebem R$ 150 representam 15,7% dos pagamentos.

Quem está cadastrado no Bolsa Família e atende aos requisitos para ter o auxílio emergencial começou a receber a sexta parcela --a penúltima desta etapa do programa-- nesta sexta-feira (17). A grana está liberada para as pessoas com NIS (Número de Identificação Social) final 1.

Na segunda-feira (20), é a vez dos beneficiários do programa social com NIS final 2. Os pagamentos seguem até 30 de setembro, para NIS com final zero. A sétima e última parcela do auxílio criado na pandemia começa a ser paga em 18 de outubro. Veja aqui o calendário completo até novembro.

Para o público em geral que tem direito ao auxílio, que são os informais inscritos no CadÚnico, o depósito da grana na poupança digital da Caixa começa na terça-feira (21), obedecendo a ordem do mês de nascimento.

A primeira cota é liberada para nascidos em janeiro; o depósito segue conforme o mês de aniversário. O pagamento termina em 3 de outubro para os nascidos em dezembro.

Os valores estarão disponíveis para saque a partir de 4 de outubro, seguindo a mesma ordem de liberação. Saiba como consultar as parcelas do auxílio emergencial 2021.

A Dataprev (empresa de tecnologia do governo federal) faz um pente-fino mensal para saber se as pessoas cadastradas no auxílio emergencial ainda atendem aos requisitos e, portanto, seguem com direito às cotas finais do benefício federal.

Para saber se o trabalhador receberá a sexta e a sétima parcelas, é necessário consultar o site da Dataprev ou este link do Ministério da Cidadania.

Questionado pela reportagem, o Ministério da Cidadania não informou o número de pessoas cadastradas no CadÚnico que irão receber o auxílio a partir de terça-feira.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos