Mercado fechado
  • BOVESPA

    117.380,49
    -948,51 (-0,80%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.126,51
    +442,96 (+0,99%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,86
    +0,09 (+0,17%)
     
  • OURO

    1.852,80
    -2,40 (-0,13%)
     
  • BTC-USD

    32.632,70
    +530,62 (+1,65%)
     
  • CMC Crypto 200

    658,61
    -18,29 (-2,70%)
     
  • S&P500

    3.855,36
    +13,89 (+0,36%)
     
  • DOW JONES

    30.960,00
    -36,98 (-0,12%)
     
  • FTSE

    6.638,85
    -56,22 (-0,84%)
     
  • HANG SENG

    30.159,01
    +711,16 (+2,41%)
     
  • NIKKEI

    28.706,72
    -115,57 (-0,40%)
     
  • NASDAQ

    13.460,50
    -15,00 (-0,11%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6392
    +0,0030 (+0,05%)
     

Autoridades resgatam 45 migrantes no Canal da Mancha

·1 minuto de leitura
Migrantes tentam a travessia no Canal da Mancha em 27 de agosto de 2020

Quarenta e cinco migrantes, incluindo uma mulher grávida e várias crianças que tentavam entrar clandestinamente na Inglaterra, foram resgatados quando a embarcação precária em que viajavam teve problemas nas costas de Dunkerque, norte da França.

Vários migrantes estavam com hipotermia, mas todos estão fora de perigo, segundo as autoridades locais.

Os serviços de resgate temem que várias embarcações com migrantes tentem a travessia nos próximos dias, com a previsão de mar tranquilo.

Mas às vezes as águas perto do Estreito de Calais enganam e, embora pareçam calmas, rapidamente se transformam em um mar perigoso, com ventos e correntes muito fortes os barcos precários dos migrantes.

No fim de outubro, quatro pessoas de uma família curda iraniana morreram e três desapareceram em um naufrágio no Canal da Mancha, onde as travessias registram forte alta desde 2018.

No sábado, França e Reino Unido assinaram um acordo para acabar com a migração clandestina na região, que prevê mais patrulhas e novos recurso tecnológicos, principalmente drones e radares, nas praias francesas a partir de 1 de dezembro.

eva/at/bl/zm/fp