Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.487,88
    +1.482,88 (+1,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.518,30
    +228,40 (+0,45%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,35
    +0,46 (+0,42%)
     
  • OURO

    1.845,10
    +3,90 (+0,21%)
     
  • BTC-USD

    29.998,76
    +498,40 (+1,69%)
     
  • CMC Crypto 200

    650,34
    -23,03 (-3,42%)
     
  • S&P500

    3.901,36
    +0,57 (+0,01%)
     
  • DOW JONES

    31.261,90
    +8,80 (+0,03%)
     
  • FTSE

    7.389,98
    +87,24 (+1,19%)
     
  • HANG SENG

    20.717,24
    +596,56 (+2,96%)
     
  • NIKKEI

    26.739,03
    +336,19 (+1,27%)
     
  • NASDAQ

    11.838,00
    -40,25 (-0,34%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1528
    -0,0660 (-1,26%)
     

Aumento no sentimento do investidor alemão em maio não é suficiente para gerar esperança

Distrito bancário de Frankfurt

BERLIM (Reuters) - O sentimento dos investidores alemães aumentou ligeiramente em maio devido às expectativas de que a situação econômica na maior economia da Europa se deteriorará menos acentuadamente do que o previsto anteriormente, à medida que o Banco Central Europeu age para domar a inflação.

O instituto de pesquisa econômica ZEW disse nesta terça-feira que seu índice de sentimento econômico subiu para -34,3 pontos, ante -41,0 em abril. Uma pesquisa da Reuters apontava leitura de -42,0 em maio.

"Especialistas ainda supõem que (a situação econômica) continuará a se deteriorar, mas em um ritmo mais baixo do que o esperado antes", disse o presidente do ZEW, Achim Wambach, em comunicado.

As restrições da Covid-19 na China levaram os investidores a ter uma visão mais sombria da situação econômica lá e "isso é um peso no desenvolvimento futuro da economia alemã", acrescentou Wambach.

Jens-Oliver Niklasch, economista do LBBW, disse que o ligeiro aumento na leitura do ZEW não marca uma mudança para melhor. "O miniaumento de hoje não é suficiente para se tornar esperançoso."

O ZEW entrevistou 184 analistas de 2 a 9 de maio. A grande maioria espera que o Banco Central Europeu aumentará os juros durante os próximos seis meses.

(Por Paul Carrel)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos