Mercado fechará em 25 mins
  • BOVESPA

    106.185,54
    -1.549,47 (-1,44%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.886,95
    -133,10 (-0,26%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,64
    +1,14 (+1,38%)
     
  • OURO

    1.794,30
    +12,40 (+0,70%)
     
  • BTC-USD

    60.771,19
    -2.224,89 (-3,53%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.446,14
    -56,89 (-3,79%)
     
  • S&P500

    4.551,89
    +2,11 (+0,05%)
     
  • DOW JONES

    35.740,28
    +137,20 (+0,39%)
     
  • FTSE

    7.204,55
    +14,25 (+0,20%)
     
  • HANG SENG

    26.126,93
    +109,40 (+0,42%)
     
  • NIKKEI

    28.804,85
    +96,27 (+0,34%)
     
  • NASDAQ

    15.348,25
    -130,50 (-0,84%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6022
    +0,0212 (+0,32%)
     

Auditoria solicitada por republicanos confirma vitória de Biden em condado do Arizona

·1 minuto de leitura
Um empreiteiro que trabalha para Cyber Ninjas transporta cédulas das eleições gerais de 2020 (AFP/Courtney Pedroza)

Após meses de controvérsia, uma nova recontagem manual dos resultados da eleição presidencial de 2020 confirmou que Donald Trump perdeu para Joe Biden em um grande condado no importante estado do Arizona, de acordo com uma versão preliminar de uma auditoria.

A margem de vitória do democrata é ainda ligeiramente maior do que a revelada após a eleição, vencida por Biden por cerca de 45.500 votos de distância no condado de Maricopa, de acordo com este estudo financiado pelos republicanos e conduzido por uma empresa novata no campo eleitoral, Cyber Ninjas.

Esses dados não impedirão que Trump continue a insistir que as eleições foram "roubadas", uma acusação que alimentou a ira dos invasores do Capitólio em 6 de janeiro.

Mas confirmam o que já se sabia: que os resultados das eleições de 2020 não serão revertidos.

O bilionário republicano, que lança a ideia de uma nova candidatura em 2024, disse que o relatório final, que será divulgado na tarde desta sexta-feira, será "muito diferente do que relata a mídia de desinformação".

Estas primeiras conclusões "deveriam marcar o fim desta história, todo o demais é agitação, disse o chefe republicano da organização das eleições no condado de Maricopa, Jack Sellers.

“Isso significa que (...) os resultados refletem a vontade dos eleitores”, insistiu.

A auditoria foi encomendada por republicanos do Senado do Arizona.

Biden venceu a eleição presidencial com mais de sete milhões de votos à frente de Trump.

ft-jfx/elc/seb/dg/dga/ap

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos