Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.647,99
    +1.462,52 (+1,29%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.798,38
    +658,14 (+1,26%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,66
    +1,35 (+1,66%)
     
  • OURO

    1.768,10
    -29,80 (-1,66%)
     
  • BTC-USD

    61.489,98
    +2.044,17 (+3,44%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.464,06
    +57,32 (+4,07%)
     
  • S&P500

    4.471,37
    +33,11 (+0,75%)
     
  • DOW JONES

    35.294,76
    +382,20 (+1,09%)
     
  • FTSE

    7.234,03
    +26,32 (+0,37%)
     
  • HANG SENG

    25.330,96
    +368,37 (+1,48%)
     
  • NIKKEI

    29.068,63
    +517,70 (+1,81%)
     
  • NASDAQ

    15.144,25
    +107,00 (+0,71%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3297
    -0,0741 (-1,16%)
     

Atriz Marina Miranda, de 90 anos, está em coma e com quadro de saúde irreversível; família tenta transferência de hospital

·1 minuto de leitura

A atriz e humorista Marina Miranda, conhecida por papéis como a Dona Charanga da "Escolinha do Professor Raimundo", está internada e em coma. A sua filha, Sylvia Miranda, informou que o quadro de saúde da mãe é irreversível. Marina tem 90 anos e faz mais um ano de vida no próximo dia 30.

A artista está internada no Hospital Municipal Miguel Couto, na Zona Sul do Rio de Janeiro. No Instagram, Sylvia diz que está tentando que ela seja transferida para um hospital particular e está pedindo a ajuda de amigos para isso.

Segundo a filha, ela está com infecção urinária e um problema no pulmão. Os médicos investigavam ainda uma possível tuberculose, mas a hipótese já foi descartada. Com a transferência, ela pretende conseguir a sonda alimentar que a mãe está precisando agora.

"As coisas ainda estão muito desencontradas por conta dessa trasferência da UPA para o Miguel Couto. Foram oito médicos atendendo ela, com pareceres diferentes. Mas o que a gente sabe de concreto agora é que ela não acorda, devido ao Alzheimer", explicou Sylvia, em sua conta de Instagram.

Também na rede social, ela reforçou que acredita em milagres e na recuperação da mãe. Mas que luta agora para ela ter uma passagem digna.

"Eu estou correndo atrás o máximo possível com os amigos dela, para conseguirmos a transferência e ela ter uma passagem digna. E não partir como muitos colegas dela tiveram, jogados em uma UPA. Eu fiz tudo o que eu pudo, devo tudo a ela", contou Sylvia, no último domingo, quando a mãe ainda não estava no Miguel Couto.

Marina Miranda também marcou os fãs por personagens que fez com Os Trapalhões e em novelas como "Dancin' Days", "A gata comeu" e "Vereda Tropical", entre outras.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos