Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.183,95
    -355,84 (-0,32%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.377,47
    +695,28 (+1,52%)
     
  • PETROLEO CRU

    61,27
    -0,01 (-0,02%)
     
  • OURO

    1.713,20
    -2,60 (-0,15%)
     
  • BTC-USD

    50.790,45
    +2.381,17 (+4,92%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.016,41
    +28,32 (+2,87%)
     
  • S&P500

    3.819,72
    -50,57 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    31.270,09
    -121,43 (-0,39%)
     
  • FTSE

    6.675,47
    +61,72 (+0,93%)
     
  • HANG SENG

    29.880,42
    +784,56 (+2,70%)
     
  • NIKKEI

    29.208,18
    -350,92 (-1,19%)
     
  • NASDAQ

    12.646,50
    -35,25 (-0,28%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7759
    -0,0028 (-0,04%)
     

Atriz de "Mandalorian" é demitida após publicar mensagens ofensivas

Rafael Monteiro
·2 minuto de leitura
FILE - In this Wednesday, Nov. 13, 2019, file photo, Gina Carano attends the LA premiere of "The Mandalorian" at the El Capitan Theatre in Los Angeles. In a statement Wednesday, Feb. 10, 2021, Lucasfilm said Carano is no longer a part of “The Mandalorian” cast after many online called for her firing over a social media post that likened the experience of Jews during the Holocaust to the U.S. political climate. (Photo by Richard Shotwell/Invision/AP, File)
Gina Carano (Photo by Richard Shotwell/Invision/AP, File)

Gina Carano, a Cara Dune em "The Mandalorian", foi demitida após publicar mensagens ofensivas nas redes sociais. Em um post, ela comparou críticas feitas ao partido republicano nos Estados Unidos com a perseguição aos judeus na Alemanha nazista.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

As informações são do Deadline. Em contato com o site especializado em cinema, a Lucasfilm, responsável pela série exibida no Disney Plus, confirmou que a demissão foi provocada por uma mensagem escrita por ela na internet.

Leia também:

"Gina Carano não é mais uma empregada da Lucasfilm e não há planos para que ela seja no futuro. Os posts dela nas redes sociais ofendendo pessoas por conta de suas culturas e identidades religiosas são abomináveis e inaceitáveis", disse a empresa.

A publicação que gerou a demissão de Carano veio à tona após a invasão ao Capitólio dos Estados Unidos, no mês passado. Incomodada com as críticas recebidas pelos republicanos que incentivaram o ato, a atriz escreveu:

"Como a história é editada, a maioria das pessoas não percebe que para chegar ao ponto em que os nazistas conseguiam prender milhares de judeus, o governo fez com que seus próprios vizinhos os odiassem apenas por serem judeus", disse ela.

"Como isso é diferente de odiar alguém apenas por suas visões políticas?", questionou, por fim. Anteriormente, Carano já havia sido criticada por comentários transfóbicos - além de compartilhar com certa frequência teorias da conspiração.

Até o momento, a Lucasfilm não revelou quem será a substituta da atriz em "The Mandalorian".

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube