Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.647,99
    +1.462,52 (+1,29%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.798,38
    +658,14 (+1,26%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,66
    +1,35 (+1,66%)
     
  • OURO

    1.768,10
    -29,80 (-1,66%)
     
  • BTC-USD

    61.518,58
    +2.103,12 (+3,54%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.464,06
    +57,32 (+4,07%)
     
  • S&P500

    4.471,37
    +33,11 (+0,75%)
     
  • DOW JONES

    35.294,76
    +382,20 (+1,09%)
     
  • FTSE

    7.234,03
    +26,32 (+0,37%)
     
  • HANG SENG

    25.330,96
    +368,37 (+1,48%)
     
  • NIKKEI

    29.068,63
    +517,70 (+1,81%)
     
  • NASDAQ

    15.144,25
    +107,00 (+0,71%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3297
    -0,0741 (-1,16%)
     

Atlético de Madrid vence Milan de virada (2-1) no San Siro

·2 minuto de leitura
Luis Suarez fez o gol da vitória do Atlético de Madrid sobre o Milan com um pênalti nos acréscimos (AFP/MIGUEL MEDINA)

Em uma partida acirrada, o Atlético de Madrid derrotou o Milan por 2 a 1 nesta terça-feira em pleno San Siro, pela segunda rodada da Liga dos Campeões, marcando três pontos importantes que abrem caminho para o time 'colchonero' rumo à segunda fase.

Contra um Milan que jogou mais de uma hora com um a menos devido à expulsão do marfinense Franck Kessié (29), o time comandado por Simeone respondeu ao gol do português Rafael Leão (20) com o gol de empate de Antoine Griezmann (84), e com um pênalti convertido pelo uruguaio Luis Suárez nos últimos instantes (90 + 7).

Com quatro pontos em duas rodadas, o Atlético é o segundo do grupo B, atrás do Liverpool (6 pontos), e à frente do clube 'rossonero' (que ainda não pontuou).

O time inglês goleou o Porto fora de casa nesta terça-feira por 5 a 1.

O Milan, que voltou a disputar uma partida da Liga dos Campeões em seu estádio sete anos depois, entrou em campo motivado e com intensidade, obrigado a partir para cima após a derrota em Anfield (3-2) na primeira rodada.

As chances de Brahim (17) e do atacante croata Ante Rebic, defendidas pelo goleiro Jan Oblak (19), davam um sinal do que viria pela frente. E isso não demorou a acontecer. Aos 20 minutos, Rafael Leão disparou um chute rasteiro de dentro da área que colocou o time local na frente.

Mas a expulsão do marfinense Kessié, que recebeu um segundo cartão amarelo desnecessário longe de sua área acabou mudando o curso do confronto.

A posse, controle territorial e chances estavam do lado dos 'rojiblancos' - que jogaram de azul nesta terça-feira no San Siro - ao longo da segunda etapa.

E a recompensa veio em um chute do canhoto Antoine Griezmann, que havia entrado em campo minutos antes, e com um pênalti de Pierre Kalulu convertido pelo uruguaio Luis Suárez.

Três pontos que permitem ao Atlético enfrentar o próximo duelo, contra o Liverpool, com outra perspectiva.

iga/pm/aam

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos