Mercado fechado
  • BOVESPA

    122.979,96
    +42,09 (+0,03%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.789,31
    +417,33 (+0,85%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,81
    -0,68 (-1,04%)
     
  • OURO

    1.867,50
    -0,50 (-0,03%)
     
  • BTC-USD

    40.654,44
    -4.266,52 (-9,50%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.132,77
    -120,37 (-9,61%)
     
  • S&P500

    4.127,83
    -35,46 (-0,85%)
     
  • DOW JONES

    34.060,66
    -267,13 (-0,78%)
     
  • FTSE

    7.034,24
    +1,39 (+0,02%)
     
  • HANG SENG

    28.593,81
    +399,72 (+1,42%)
     
  • NIKKEI

    28.145,32
    -261,52 (-0,92%)
     
  • NASDAQ

    13.189,75
    -22,25 (-0,17%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4302
    +0,0001 (+0,00%)
     

Ativistas pedem reforma do Fed com decisão sobre comando à vista

Craig Torres
·3 minuto de leitura

(Bloomberg) -- O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, que tem a oportunidade de renovar o comando do Federal Reserve nos próximos 10 meses, está na mira de ativistas para fazer mudanças potencialmente significativas no banco central americano.Fed Up, uma campanha organizada pelo Center For Popular Democracy em Washington, disse que “a forma como o Federal Reserve administra a economia deve ser parte da visão de política do governo, pois este decide quem vai liderar o banco central”, segundo artigo publicado na quarta-feira.

O mandato do presidente do Fed, Jerome Powell, termina em fevereiro, enquanto o vice-presidente Richard Clarida fica no cargo de governador do Conselho até janeiro. O mandato de Randal Quarles como vice-presidente de supervisão termina em outubro. Powell evitou todas as perguntas sobre se permaneceria no comando quando perguntado, mas diz que adora seu trabalho. Cerca de 75% dos economistas pesquisados pela Bloomberg esperam que Biden mantenha Powell no cargo.

O presidente indica governadores para o Conselho do Fed em Washington, sujeitos à aprovação do Senado, enquanto os chefes das 12 divisões regionais do banco central são escolhidos por seus conselhos de administração.

Tanto Powell quanto Quarles poderiam permanecer como governadores do Fed assim que seus mandatos de liderança terminarem, embora o costume dos últimos anos seja deixar a instituição quando isso acontece. Também há uma vaga entre os sete assentos do Conselho, dando a Biden uma oportunidade significativa de impactar a política por meio de mudanças na equipe.

A Fed Up pode influenciar a Casa Branca por meio de parlamentares progressistas. Biden, que diz não ter falado com Powell desde que assumiu a presidência, provavelmente começará a pensar sobre o comando do Fed nos próximos meses. Em um Senado onde os democratas detêm apenas 50 dos 100 votos da Câmara, as opiniões de progressistas como Elizabeth Warren, de Massachusetts, e Bernie Sanders, de Vermont, serão importantes.

O artigo da Fed Up não pede que Biden substitua ou mantenha Powell.

Mas critica os aumentos das taxas de juros iniciados em 2015 sob a então presidente Janet Yellen, atualmente secretária do Tesouro, chamando a decisão de “desastrosa” para o mercado de trabalho, e elogia Powell por implementar uma nova estrutura de política monetária rumo a indicadores mais amplos de pleno emprego.

Máximo emprego

Ainda assim, o grupo quer que o Fed defina o que significa máximo emprego, mesmo que isso exija “um painel de indicadores”, com índices como o aumento dos salários para trabalhadores de baixa renda.

“Você consegue o que mede, e a falta de um referencial público específico relacionado ao emprego deixa a política do Fed muito mais à mercê das escolhas de pessoal e dos ventos políticos”, diz o artigo.

A Fed Up insta a Casa Branca a apoiar uma legislação que exija do Fed o debate do emprego com base em raça e disparidades salariais duas vezes por ano, e que medidas está tomando para eliminá-las, além de criar contas do Fed para fornecer acesso a serviços financeiros de custo mais baixo e distribuição mais eficiente de benefícios e ajudas federais.

“As escolhas de equipe definem diretamente o curso do Fed”, disse Benjamin Dulchin, diretor da campanha Fed Up. “A administração Biden deve ver onde qualquer candidato potencial se posiciona nessas coisas.”

For more articles like this, please visit us at bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2021 Bloomberg L.P.