Mercado abrirá em 1 h 49 min
  • BOVESPA

    108.782,15
    -194,55 (-0,18%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.081,33
    -587,31 (-1,14%)
     
  • PETROLEO CRU

    78,90
    +1,66 (+2,15%)
     
  • OURO

    1.767,90
    +12,60 (+0,72%)
     
  • BTC-USD

    16.506,17
    +297,09 (+1,83%)
     
  • CMC Crypto 200

    390,03
    +9,74 (+2,56%)
     
  • S&P500

    3.963,94
    -62,18 (-1,54%)
     
  • DOW JONES

    33.849,46
    -497,57 (-1,45%)
     
  • FTSE

    7.512,95
    +38,93 (+0,52%)
     
  • HANG SENG

    18.204,68
    +906,74 (+5,24%)
     
  • NIKKEI

    28.027,84
    -134,99 (-0,48%)
     
  • NASDAQ

    11.659,25
    +43,00 (+0,37%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5709
    +0,0217 (+0,39%)
     

Atividade de serviços da China recua em outubro por restrições contra Covid, mostra PMI do Caixin

Salão de cabeleireiro em Pequim

PEQUIM (Reuters) - A atividade de serviços da China contraiu novamente em outubro, uma vez que s medidas de contenção contra a Covid-19 aftaram os negócios e o consumo, pesando sobre a recuperação econômica no último trimestre, mostrou uma pesquisa do setor privado nesta quinta-feira.

O Índice de Gerentes de Compras (PMI) de serviços do Caixin caiu para 48,4 no mês passado, o menor nível desde maio, de 49,3 em setembro, já que o aumento do número de casos de Covid levou a interrupções e pesou na confiança do consumidor. A marca de 50 separa contração de expansão.

Uma pesquisa oficial na segunda-feira também mostrou que a atividade de serviços, que depende mais de interações presenciais, caiu em território de contração em outubro em relação à expansão no mês anterior.

Após um crescimento melhor do que o esperado no terceiro trimestre, a economia da China tem novamente dificuldades para ganhar tração em meio às medidas contra o vírus, uma crise prolongada no setor imobiliário e riscos crescentes de recessão global.

Os entrevistados disseram que os novos negócios caíram pelo segundo mês consecutivo em outubro, apesar do feriado de uma semana do Dia Nacional no mês.

Serviços como as vendas no varejo, hospedagem e alimentação estão sob pressão devido aos surtos de Covid, disse um porta-voz do Ministério do Comércio na semana passada.

O indicador para novos pedidos de exportação também caiu em território de contração contra expansão do mês anterior.

(Reportagem de Ellen Zhang e Ryan Woo)