Mercado abrirá em 8 h 5 min
  • BOVESPA

    109.114,16
    -2.601,84 (-2,33%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.808,56
    -587,38 (-1,29%)
     
  • PETROLEO CRU

    77,22
    +0,51 (+0,66%)
     
  • OURO

    1.639,10
    +5,70 (+0,35%)
     
  • BTC-USD

    20.050,16
    +1.183,62 (+6,27%)
     
  • CMC Crypto 200

    458,96
    +25,86 (+5,97%)
     
  • S&P500

    3.655,04
    -38,19 (-1,03%)
     
  • DOW JONES

    29.260,81
    -329,60 (-1,11%)
     
  • FTSE

    7.020,95
    +2,35 (+0,03%)
     
  • HANG SENG

    17.665,85
    -189,29 (-1,06%)
     
  • NIKKEI

    26.564,64
    +133,09 (+0,50%)
     
  • NASDAQ

    11.405,00
    +88,75 (+0,78%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1954
    +0,0160 (+0,31%)
     

Ataques hackers com foco em Bitcoin crescem 200% em 2021

·3 min de leitura
Ataques hackers com foco em Bitcoin crescem 200% em 2021

Uma análise recente da Barracuda Networks mostra um aumento de ataques hackers com foco em Bitcoin (BTC). Num período de seis meses, vítimas dessas atividades aumentaram 192%.

Os ataques analisados foram em sua maioria falsificações de identidade de phishing em e-mails comerciais que tinham como alvo detentores de Bitcoin. Os dados revelam um paralelo claro entre o aumento de tais ataques e o aumento do preço da criptomoeda entre outubro de 2020 e maio de 2021.

No passado, os ataques hackers relacionados ao ativo atuavam sob o disfarce de ataques de extorsão ou ransomware. A mudança para spear phishing direcionado, personificação e e-mails comerciais fraudulentos é uma novidade mais recente, de acordo com o estudo.

A pesquisa Threat Spotlight, conduzida pela Barracuda Networks correlaciona o aumento acentuado em tais ataques à crescente demanda por Bitcoin. Além do aumento de preços, há mais detentores da moeda digital, o que torna mais fácil encontrar vítimas.

Fleming Chi, CTO da Barracuda Networks comentou sobre o estudo para o BeInCrypto:

“A aceleração do interesse e da demanda por Bitcoin forneceu aos cibercriminosos um método de pagamento virtualmente indetectável, permitindo uma economia de vários bilhões de libras em ransomware, extorsão cibernética e ataques de falsificação de identidade, principalmente visando investidores individuais e empresas privadas.”

A Barracuda Networks é um provedor líder de soluções de segurança habilitadas para nuvem.

Anonimato é uma faca de dois gumes

O estudo também destacou o anonimato das criptomoedas. Como os pagamentos em cripto são frequentemente descentralizados e pouco regulamentados, os cibercriminosos podem assumir o anonimato total. Embora a privacidade e a descentralização sejam os principais fatores de atração para o envolvimento com esses ativos, são justamente essas características que deixam os usuários em maior desvantagem.

À medida que o mercado das criptomoedas continua a se desenvolver e esses ativos se tornam populares, os usuários precisarão aumentar sua consciência sobre essas vulnerabilidades. Chi acrescentou que a conscientização corporativa sobre a segurança cibernética é uma necessidade em um futuro cada vez mais digitalizado.

“É mais importante do que nunca para organizações, trabalhadores e investidores manter seus dados e ativos financeiros completamente seguros”, diz o executivo.

“Continuar a treinar usuários e funcionários para reconhecer as táticas mais recentes usadas por hackers é fundamental para manter a segurança geral de qualquer organização, e todas as empresas e vítimas em potencial são fortemente encorajadas a fazer backup de seus dados com uma solução de backup de dados baseada em nuvem de terceiros para evitar a perda de dados, reduzir o tempo de inatividade em caso de um ataque cibernético e se proteger contra o aumento dos níveis de ameaça de ransomware.”

Combatendo ataques hackers relacionados a criptomoedas

O recente ataque de ransomware a Pipeline Colonial trouxe a questão da segurança cibernética e da criptografia. Embora seja um método mais comum de hacking, o ataque foi mais uma visualização do valor do Bitcoin como objeto usado para roubo.

Este incidente resultou na perda de US$ 2,3 milhões em Bitcoin. O ataque ocorreu quando o governo dos EUA já estava intensificando seus esforços regulatórios no mercado cripto.

Além disso, a gigante das criptomoedas Crypto.com também fez recentemente um movimento em direção à conscientização da segurança cibernética. A empresa firmou parceria com a Chainanylsis, em um esforço para aumentar a análise de dados e a segurança do site.

À medida que o mercado continua a se expandir e os investidores aumentam, as preocupações com a segurança cibernética em torno dos criptoativos serão testadas.

O artigo Ataques hackers com foco em Bitcoin crescem 200% em 2021 foi visto pela primeira vez em BeInCrypto.