Mercado fechado
  • BOVESPA

    101.882,20
    -1.831,25 (-1,77%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    53.904,00
    -294,94 (-0,54%)
     
  • PETROLEO CRU

    75,70
    +1,33 (+1,79%)
     
  • OURO

    1.987,00
    -10,70 (-0,54%)
     
  • Bitcoin USD

    28.531,08
    -43,62 (-0,15%)
     
  • CMC Crypto 200

    621,79
    +7,58 (+1,23%)
     
  • S&P500

    4.109,31
    +58,48 (+1,44%)
     
  • DOW JONES

    33.274,15
    +415,12 (+1,26%)
     
  • FTSE

    7.631,74
    +11,31 (+0,15%)
     
  • HANG SENG

    20.400,11
    +90,98 (+0,45%)
     
  • NIKKEI

    28.041,48
    +258,55 (+0,93%)
     
  • NASDAQ

    13.308,00
    +226,00 (+1,73%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4892
    -0,0664 (-1,20%)
     

Ata do Fed mostra que autoridades ponderaram risco da estabilidade financeira em meio a altas agressivas dos juros

Sede do Federal Reserve, em Washington

Por Michael S. Derby

WASHINGTON (Reuters) - Em sua última reunião de política monetária, os formuladores de política do Federal Reserve fizeram um balanço de como o sistema financeiro estava se saindo diante de aumentos muito agressivos na taxa básica de juros.

As autoridades sinalizaram o que viram como possíveis vulnerabilidades em elementos como imóveis comerciais e empresas financeiras não-bancárias, bem como o funcionamento ordenado do mercado de Treasuries, que é a espinha dorsal do sistema de crédito global.

Algumas formuladores de política monetária do Fed também estavam preocupados com a possibilidade de choques no exterior atingirem o sistema financeiro dos EUA, enquanto outros "destacaram a importância do funcionamento ordenado do mercado de Treasuries e enfatizaram a importância de as autoridades apropriadas continuarem a abordar questões relacionadas à resiliência do mercado".

O Fed elevou os juros de forma muito agressiva desde março passado, e muitos temem que o ritmo desse esforço possa causar danos reais e deslocamentos no sistema financeiro, em uma economia que ainda navega nos efeitos dos choques causados pela pandemia de coronavírus.

A ata mostrou que os formuladores de política monetária do Fed também estavam preocupados com os esforços incertos das autoridades políticas para aumentar o teto da dívida do país.

"Vários participantes enfatizaram que um período prolongado de negociações para aumentar o limite da dívida federal pode representar riscos significativos para o sistema financeiro e para a economia em geral", disse a ata.