Mercado fechará em 1 h 25 min
  • BOVESPA

    130.105,10
    -102,86 (-0,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.850,35
    -179,19 (-0,35%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,08
    +1,20 (+1,69%)
     
  • OURO

    1.858,30
    -7,60 (-0,41%)
     
  • BTC-USD

    41.077,01
    +1.062,18 (+2,65%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.020,59
    +9,99 (+0,99%)
     
  • S&P500

    4.248,39
    -6,76 (-0,16%)
     
  • DOW JONES

    34.311,19
    -82,56 (-0,24%)
     
  • FTSE

    7.172,48
    +25,80 (+0,36%)
     
  • HANG SENG

    28.638,53
    -203,60 (-0,71%)
     
  • NIKKEI

    29.441,30
    +279,50 (+0,96%)
     
  • NASDAQ

    14.035,75
    -89,00 (-0,63%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1311
    -0,0004 (-0,01%)
     

Até final de junho, Facebook lança boletim informativo chamado ‘Bulletin’

·2 minuto de leitura
Até final de junho, Facebook lança boletim informativo chamado ‘Bulletin’
Até final de junho, Facebook lança boletim informativo chamado ‘Bulletin’

O Facebook pretende lançar o Bulletin, sua versão de boletim informativo, que é um produto de assinatura, até o final de junho. Segundo informações da Recode, a marca quer oferecer versões gratuitas e pagas da plataforma. Boa parte dos primeiros boletins informativos são de escritores focados em esportes, moda e meio ambiente. Além disso, serão alinhadas ao Projeto de Jornalismo do aplicativo.

Por mais que a empresa use o Facebook para comercializar o Bulletin, quando você toca no link, ele direciona em uma janela separada do navegador. Primeiro porque o Facebook quer estabelecer uma marca separada para o Bulletin e segundo, que a empresa deseja evitar o pagamento de comissões da loja de aplicativos à Apple e também ao Google.

Leia mais:

Para os autores, o Facebook está lançando a plataforma como uma forma de atingir um público de cerca de 2,9 bilhões de pessoas e supostamente se aproveitar de sua capacidade de atingir indivíduos específicos. Além disso, a Recode disse que o Facebook ofereceu aos jornalistas contratos de dois anos, com a opção de sair após os primeiros 12 meses.

“Queremos fazer mais para apoiar os jornalistas independentes e especialistas que estão construindo negócios e públicos online”, explicou Campbell Brown, vice-presidente do Facebook para parcerias globais de notícias, ao The New York Times. “Estamos explorando maneiras de ajudá-los a se beneficiar dos produtos de notícias que construímos, como o Facebook News e assinaturas, enquanto também construímos novas ferramentas para complementar o que os jornalistas já consideram útil”, concluiu.

Fonte: Engadget

Facebook promove ação no centro de São Paulo em comemoração ao mês do orgulho LGBTQIA+

Nesta sexta-feira (4), o Facebook anunciou que, para dar início às suas celebrações do mês do orgulho LGBTQIA+, vai colorir São Paulo com um mural que será pintado no elevado Presidente João Goulart (mais conhecido como Minhocão), um dos endereços mais icônicos da cidade. A via, que é aberta para pedestres todas as noites e nos fins de semana, terá a fachada de um dos prédios vizinhos tingida com as cores da bandeira do movimento LGBTQIA+, que será pintada aos poucos, faixa por faixa, neste sábado (5). A ação será transmitida em tempo real na página do próprio Facebook, a partir das 16h.

Para saber mais, acesse a reportagem no Olhar Digital.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!