Mercado fechado

Astro de Bollywood é encontrado morto em casa, aos 34 anos

O ator Sushant Singh Rajput. Foto: reprodução/Instagram/sushantsinghrajput

Astro de Bollywood, o ator indiano Sushant Singh Rajput foi encontrado morto em casa, em Mumbai, aos 34 anos, neste domingo (14). Segundo o site do canal de TV ABC News, o intérprete teria cometido suicídio. No entanto, o caso permanece sendo investigado pela polícia.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no InstagramFacebook e Twitter, e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário

A morte de Rajput, que estrela a versão local, ainda inédita do sucesso “A Culpa É das Estrelas”, foi lamentada por várias personalidades, como o primeiro-ministro indiano Narendra Modi.

Leia também:

“Sushant Singh Rajput… Um jovem e brilhante ator que parte cedo demais. Ele se destacou na TV e nos filmes. Sua ascensão no mundo do entretenimento inspirou muitos e ele deixa para trás várias performances memoráveis. Chocado com sua morte. Meus pensamentos estão com sua família e fãs”, afirmou o político.

A perda também causou pesar na classe artística do país. No Twitter, o ator Akshay Kumar desabafou: “Honestamente, essa notícia me deixou chocado e sem palavras”. Ainda sob o impacto da notícia, o colega Nawazuddin Siddiqui lamentou a morte: “Não consigo acreditar nisso… É chocante… Um belo ator e um bom amigo… É desanimador”.

O filme “Kai Po Che”, de 2013, marcou a estreia de Rajput, até então atuante na televisão, em Bollywood. Entre outros trabalhos, o ator fez parte do elenco do blockbuster local “M.S. Dhoni: The Untold Story” e do filme de ação “Drive”.

A adaptação de “A Culpa é das Estrelas”, baseada no livro de sucesso do americano John Green, está prevista para estrear em 2021. O lançamento, inicialmente agendado para maio deste ano, foi adiado devido à pandemia do novo coronavírus.

Pôster da versão indiana de "A Culpa É das Estrelas". Foto: divulgação