Mercado fechado
  • BOVESPA

    129.259,49
    -831,59 (-0,64%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.579,10
    -329,08 (-0,65%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,54
    -0,61 (-0,85%)
     
  • OURO

    1.814,40
    -47,00 (-2,52%)
     
  • BTC-USD

    38.704,95
    -1.471,15 (-3,66%)
     
  • CMC Crypto 200

    961,10
    -31,37 (-3,16%)
     
  • S&P500

    4.223,70
    -22,89 (-0,54%)
     
  • DOW JONES

    34.033,67
    -265,66 (-0,77%)
     
  • FTSE

    7.184,95
    +12,47 (+0,17%)
     
  • HANG SENG

    28.436,84
    -201,69 (-0,70%)
     
  • NIKKEI

    29.291,01
    -150,29 (-0,51%)
     
  • NASDAQ

    13.929,75
    -51,50 (-0,37%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0731
    -0,0448 (-0,73%)
     

Assessor de Biden, pai da ‘Neutralidade da Rede’ tem milhões em Bitcoin

·3 minuto de leitura
Tim Wu tem Bitcoin, assessor de Joe Biden
Tim Wu tem Bitcoin, assessor de Joe Biden

Um assessor do atual presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, é um milionário do Bitcoin, com posses entre US$ 1 milhão e US$ 5 milhões. A informação foi publicada pelo portal de notícias Político, após uma consulta pública feita com a Casa Branca.

Nos Estados Unidos, assim como no Brasil, o Bitcoin é uma moeda não regulamentada pelo estado, mesmo assim, seu uso não é proibido, devendo apenas os seus donos declararem suas posses ao governo.

O nome do assessor é Timothy Wu, ou apenas Tim Wu, que é considerado um importante especialista em políticas antitruste e tecnologia, sendo considerado o pai da neutralidade da rede – princípio de que todas as informações que trafegam na rede devem ser tratadas da mesma forma.

Durante a gestão de Barack Obama, o analista também era um dos conselheiros da Casa Branca.

Assessor de Joe Biden é um milionário do Bitcoin

O site POLITICO obteve acesso a uma informação inusitada sobre o gabinete de governo de Joe Biden, atual presidente dos Estados Unidos.

Isso porque, o Brown Institute for Media Inovation solicitou à Casa Branca informações financeiras de Tim Wu. Ao receber o que foi solicitado, o instituto vinculado a Columbia University compartilhou com o site a informação.

Dessa forma, o site POLITICO revelou que Tim tem entre 29 e 146 bitcoins. Considerando o preço do Bitcoin hoje, Wu tem cerca de R$ 4,7 a R$ 24 milhões na moeda digital.

Procurado para comentar suas posses, o analista de tecnologia de Joe Biden negou falar sobre o assunto.

Vale o destaque que Wu não trabalha diretamente com nenhuma política que envolve as criptomoedas, ou seja, suas posses atuais não têm influência em seu trabalho no governo.

O seu investimento atual em Bitcoin responde pela maior parte de seu capital. Além de Bitcoin, o crítico de grandes empresas de tecnologia ainda investiu de US$ 100 a US$ 250 mil na criptomoeda Filecoin.

“Não” é fã do Bitcoin

Ao analisar as posses atuais de Tim Wu, o site que vazou a informação buscou a posição do assessor milionário de Joe Biden em relação ao Bitcoin.

O site encontrou um artigo de opinião publicado no New York Times onde o próprio Tim Wu chama o Bitcoin de bolha.

No artigo que foi publicado em 2017, Wu afirma que não precisava ser um grande analista para ver a nova bolha do mercado.

De qualquer forma, o crítico acabou acreditando em algum momento, não se sabe quando, e se tornou um milionário com a moeda que antes criticou, sendo seu patrimônio mais valioso, mesmo em meio a queda da cotação atual.

O gabinete de governo de Joe Biden não se mostra totalmente favorável ao Bitcoin, com várias políticas indicando que deverá haver uma regulamentação em breve.

Nem o ex-presidente Donald Trump era favorável ao Bitcoin, criticando a moeda em uma entrevista na última segunda (7).

Ao mesmo tempo, cidades e estados dos Estados Unidos se mostram confiantes com a tecnologia, como é o caso de Miami, cidade da Flórida que quer criar um centro para empresas de criptomoedas.

Fonte: Livecoins